Ultimas
Home / Açores / Açores comemoram Dia Internacional e Noite Europeia dos Museus
Açores comemoram Dia Internacional e Noite Europeia dos Museus

Açores comemoram Dia Internacional e Noite Europeia dos Museus

O Dia Internacional dos Museus, que se assinala a 18 de maio, vai ser comemorado, numa ação coordenada pela Direção Regional da Cultura, com diversas iniciativas em todos os museus dos Açores, que, excecionalmente, estarão abertos naquele dia.

O Museu de Angra do Heroísmo promove, pelas 21h30, a realização do concerto “O século XX – um período de transformações”, pelo Quinteto Rústico, composto por Rita Pereira (flauta transversal), Lívio Dias (oboé), Aldara Medeiros (clarinete), Rafaela Oliveira (fagote) e João Gaspar (trompa).

Neste concerto serão apresentadas obras de Jacques Ibert, György Ligeti, Joly Braga Santos, Eurico Carrapatoso, Claude Debussy e Didier Favre.

Por sua vez, o Museu de Santa Maria assinala a data com a abertura, pelas 21h00, na Biblioteca Municipal de Vila do Porto, de uma exposição intitulada “Álvaro Cunhal – Vida, Pensamento e Luta: exemplo que se projeta na atualidade e no futuro”.

Esta mostra, organizada pelo Museu de Angra do Heroísmo a propósito da comemoração do centenário de nascimento do histórico dirigente comunista, é composta por 17 painéis e documentação de Álvaro Cunhal.

Em São Jorge, o Museu Francisco de Lacerda promove, na Casa dos Tiagos, na Vila do Topo, a abertura, pelas 09h00, da exposição “O Espírito do Lugar”, da autoria de Rainer Hellberg.

A exposição, que estará patente até 26 de junho, apresenta 21 fotografias, representando cenas de trabalhos de desmancho de cachalotes.

Também para assinalar a data, mas nas suas instalações, o museu jorgense promove, até 3 de julho, a apresentação da exposição “Tecelagem de São Jorge – Entre Colchas”, composta por colchas do espólio da instituição, que visa dar a conhecer esta herança cultural na ilha.

No domingo, 17 de maio, o Museu do Pico promove, no Museu dos Baleeiros, nas Lajes do Pico, pelas 21h30, com entrada gratuita, a apresentação do projeto de voluntariado “From Kibera With Love”, realizado por Marta Baeta para ajudar crianças e jovens daquela localidade do Quénia, assegurando-lhes educação, cuidados médicos e bens materiais de primeira necessidade.

O Museu da Graciosa, organiza, a 18 de maio, visitas orientadas à sua exposição de longa duração e aos seus bastidores, o que permitirá conhecer as coleções de brinquedos, luminária e cerâmica, além de duas máquinas debulhadoras.

Por seu turno, o Museu da Horta acolhe, na Casa Manuel de Arriaga, a partir de terça-feira, 19 de maio, a exposição do fotógrafo alemão Kai-Uwe Franz, intitulada “Rostos de Sal”, que apresenta os registos fotográficos recolhidos durante uma passagem pelo Pico, em 2010, e estará patente até 3 de julho.

O Museu Carlos Machado promove, a 18 de maio, pelas 16h15, na Igreja de Santa Bárbara, em Ponta Delgada, a realização da conferência intitulada “Os jardins e a sua segunda natureza: em busca do sentido histórico dos jardins de S. Miguel”, que será proferida por Isabel Soares de Albergaria, da Universidade dos Açores.

No mesmo dia, mas no Núcleo de Santa Bárbara, terá lugar, pelas 15h30, o ateliê pedagógico “Vegetação Imaginária”, no qual os participantes, após uma visita orientada à exposição “Natureza em Diálogo”, vão criar a sua vegetação imaginária, utilizando elementos naturais, tintas, gesso, diferentes suportes e muita criatividade.

Esta iniciativa, em que participarão elementos da Associação de Surdos da Ilha de São Miguel, está sujeita a inscrição, através do telefone 296 202 930.

O Museu Carlos Machado comemorará ainda a Noite Europeia dos Museus, abrindo no sábado, 16 de maio, as portas do Núcleo de Arte Sacra (Igreja do Colégio), entre as 20h00 e as 24h00, para a realização, em colaboração com o Conservatório Regional de Ponta Delgada, de um concerto musical, em que serão interpretadas obras de Vivaldi, Gaubert, Kronke, Elgar, Dinicu, Schostakovitch e Doppler.

Esta efeméride contará também com a participação do grupo “O Coletivo” e estarão abertas as exposições temporárias “Chapéus há muitos” e “Registos e maquinetas devocionais. Coleção Armando Cândido de Medeiros”.

A Noite Europeia dos Museus será igualmente assinalada pelo Museu de Angra do Heroísmo com um programa subordinado ao tema “Paixão Equestre: Moda e Equitação no MAH”.

A iniciativa terá início pelas 20h00, com uma visita guiada à Reserva Visitável de Transportes de Tração Animal dos Séculos XVIII e XIX e às exposições “E o Aço Mudou o Mundo: uma bateria Scheneider Canet nos Açores” e “Do Mar e da Terra… uma história no Atlântico”, durante a qual serão salientados os conteúdos expositivos que remetem para o papel essencial que os animais de tração e de sela assumiram até há pouco tempo, quer na vida quotidiana das populações, quer em contextos épicos.

Pelas 22h00, decorrerá a apresentação de uma coleção de peças inspiradas nos tradicionais trajes portugueses de equitação, com design de Sílvia Teixeira, que será complementada com uma exibição de arte equestre pela Quinta do Malhinha.

O Dia Internacional dos Museus, criado pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, celebra-se anualmente a 18 de maio, enquanto a Noite Europeia dos Museus, criada pelo Ministério Francês da Cultura e da Comunicação, que decorre a 16 de maio, é uma forma diferente de os museus receberem os seus públicos, chamando a atenção para as suas coleções e para a sua importância cultural.

A Direção Regional da Cultura informa que este e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal CulturAçores, no endereço eletrónico www.culturacores.azores.gov.pt.

GaCS

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top