Home / Açores / Açores têm cerca de uma centena de miradouros e parques de merendas sob tutela do Governo, revela Vítor Fraga

Açores têm cerca de uma centena de miradouros e parques de merendas sob tutela do Governo, revela Vítor Fraga

O Secretário Regional do Turismo e Transportes revelou na sexta-feira que existem cerca de uma centena de espaços, entre miradouros e parques de merendas, sob a tutela do Governo dos Açores, em todas as ilhas do arquipélago.

Para Vítor Fraga, esta realidade “dá bem mostra da dimensão e da importância que este tipo de equipamento tem para todos, para aqueles que cá habitam e também para todos aqueles que nos visitam”.

O titular da pasta do Turismo, que falava na inauguração do Miradouro Melo Nunes, na Freguesia da Maia, salientou que esta obra “realça todo o espírito de colaboração e de cooperação que tem existido entre o Governo dos Açores e as autarquias da Região”.

“Aqui também se demonstra facilmente que, com uma colaboração intensiva entre todos, a obra nasce”, frisou, acrescentando que a construção do miradouro “é fruto da cooperação entre o Governo dos Açores e a Junta de freguesia da Maia, que concretizou esta aspiração dos habitantes da Maia e que julgo que irá ao encontro das suas expetativas”.

“Temos aqui um espaço fantástico, que poderá ser usufruído não só por aqueles que habitam na Maia, mas por todos aqueles que visitam a freguesia, num circuito que cada vez faz mais parte de todo o roteiro turístico da Região e, em especial, da ilha de S. Miguel”, referiu Vítor Fraga.

“Aqueles que nos visitam fazem parte de um setor fundamental para a nossa Região, que é o setor do turismo, setor que vive uma nova dinâmica, que tem batido recordes atrás de recordes”, afirmou.

Na sua intervenção, o Secretário regional referiu ainda o Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores, frisando que é “um plano fundamental, que elenca, de uma forma muito clara e muito objetiva, quais são os pressupostos de desenvolvimento do setor para a Região, e que requer o comprometimento de todos”.

Vítor Fraga lembrou que este não é um plano do Governo, mas sim o “plano de todos, em que todos foram ouvidos para a sua construção”.

“Foi o plano mais abrangente de sempre, que ouviu desde a população aos principais ‘players’ do setor, tendo uma visão integrada daquilo que deve ser o desenvolvimento do setor para os próximos anos”, salientou.

O Secretário deixou, por isso, um “grande desafio” para que “os autarcas, as câmaras municipais, as juntas de freguesia adotem este plano estratégico e desenvolvam toda a sua estratégia tendo como base aquilo que é a estratégia de desenvolvimento do turismo para a Região”.

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top