Home / Politica / “Açores têm governo de corte e cópia”, afirma Duarte Freitas
“Açores têm governo de corte e cópia”, afirma Duarte Freitas

“Açores têm governo de corte e cópia”, afirma Duarte Freitas

O presidente do PSD/Açores considerou, esta quinta-feira, “muito negativo para a Região que os socialistas se tenham transformado num governo de corte e cópia, mais preocupado em enganar os açorianos com discursos do que em resolver problemas com soluções”.

“O governo regional corta nos serviços e nos apoios sociais, nuns casos, e, noutros, limita-se a criticar as propostas da oposição para depois as copiar pela calada tentando posteriormente apresentar os resultados como seus”, disse o líder dos sociais-democratas açorianos recordando que “os socialistas engordam com a austeridade ao mesmo tempo que os açorianos empobrecem com as políticas socialistas”.

Duarte Freitas, que falava na Horta, durante uma sessão comemorativa do 40º aniversário do PSD/Açores, apontou como exemplos “a recente portaria que reduz os reembolsos e o número de atos clínicos apoiados, e o programa de recuperação das listas de espera apresentado pelo PSD/Açores, criticado pelo governo mas que aos poucos começa a ser implementado nos hospitais regionais”.

“Os socialistas açorianos são os campeões absolutos da demagogia: em 2013 receberam dos impostos dos açorianos mais 126 milhões de euros do que em 2012 mas mesmo com todo este dinheiro o que se vê são cortes nos apoios às instituições particulares de solidariedade social, cortes nas deslocações de médicos, encerramento de laboratórios de análises clínicas nos centros de saúde e agora redução de reembolsos e limitação ao número de tratamentos comparticipados”.

O presidente do PSD/Açores recordou, por exemplo, que “em 2012 os socialistas prometeram uma solução açoriana para o serviço regional de Saúde porque, afirmavam, outras soluções levariam a cortes e a redução de serviços. Dois anos depois a solução açoriana tem sido receber mais dinheiro dos impostos dos açorianos para prestar piores serviços e para cortar apoios que, no caso das IPSS, já levaram inclusivamente ao despedimento de funcionários”.

Duarte Freitas disse ainda “ficar satisfeito por verificar que na recuperação das listas de espera o Hospital de Ponta Delgada prepara-se para aplicar uma solução de produção adicional tal como proposto pelo PSD/Açores”.

“Quando apresentámos este modelo, que inclui também o registo centralizado, o secretário da Saúde começou por dizer que a nossa proposta não servia os açorianos. Depois disso, pela calada, começou a tratar do registo centralizado. Agora ficamos todos a saber que o Hospital de Ponta Delgada vai aplicar parte da nossa proposta de produção adicional aproveitando os recursos quando eles não estão a ser utilizados”.

“Para o PSD/Açores não é importante que o governo diga que a nossa proposta é boa ou má. Para o PSD/Açores o importante é resolver problemas aos açorianos e ficamos muito satisfeitos por verificar que uma boa proposta nossa está a contribuir para ajudar a resolver problemas”, disse Duarte Freitas.

O presidente do PSD/Açores lamentou ainda aquilo que apelidou de “absoluta demagogia por parte dos governantes socialistas apostados em enganar tudo e todos”. “Basta notar dois factos”, acrescentou: “quando se conheceram os problemas nas termas da Região, com erros incompreensíveis, o secretário regional do Turismo veio anunciar um processo de certificação para essas termas”.

“Agora”, disse ainda, “o secretário da Saúde que não consegue controlar as listas de espera e que tem quase dez mil açorianos a aguardar por uma cirurgia vem dizer que o turismo de Saúde é uma aposta e que quer utilizar as unidades de Saúde para tratar cidadãos estrangeiros. Como é que os hospitais vão tratar turistas se não conseguem responder às necessidades dos açorianos?”, questionou.

PSD Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top