Home / Destaque / António Pedroso lamenta obstáculos ao turismo em São Jorge
António Pedroso lamenta obstáculos ao turismo em São Jorge

António Pedroso lamenta obstáculos ao turismo em São Jorge

Em entrevista recente à RL Açores no âmbito do programa “À Volta da Ilha” o empresário turístico António Pedroso lamentou os preços das tarifas da SATA, tal como o facto de não haver nenhum tipo de horário já afixado tanto de transportes aéreos como marítimos para o verão de 2015.

Segundo o empresário, existem dois grandes “entraves” à vinda do turismo para São Jorge sendo o primeiro os preços. Para o empresário ter produtos de elevada qualidade como o queijo local e as conservas de Santa Catarina não é o equivalente para que haja turismo na ilha, dado que como o próprio afirma “há imensa competição e imensos destinos apetecíveis a preços inferiores”.

António Pedroso diz ainda que dada a dependência de São Jorge dos transportes marítimos pela proximidade das restantes ilhas do grupo, é “inadmissível” que ainda não haja um horário de barcos para o próximo ano, sendo este o segundo entrave a que o deputado de São Jorge se refere.

“Outro fator que nós temos é, por exemplo, os horários de barco. São Jorge está muito dependente dos transportes marítimos por toda a lógica, tão próximos que estamos do Pico e do Faial, até da Terceira, tem toda a lógica que o turista saia ou entre de barco. Teoricamente sabemos que vai haver barco, mas não há nada escrito; não há um horário publicado e o turismo funciona com um ano de antecedência.”

O empresário afirma que a aposta no turismo dos Açores deve ser um trabalho em conjunto feito pelo Governo, Câmaras, as Juntas de Freguesia e também com os privados.

“O governo não vai servir às mesas nos restaurantes, mas os restaurantes não é que vão ter um avião para trazes os turistas cá”, ironizou António Pedroso.

Linda Luz/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top