Home / Açores / Aposta na formação e na qualificação dos Açorianos tem sido muito compensadora, afirma Sérgio Ávila
Aposta na formação e na qualificação dos Açorianos tem sido muito compensadora, afirma Sérgio Ávila

Aposta na formação e na qualificação dos Açorianos tem sido muito compensadora, afirma Sérgio Ávila

O Vice-Presidente do Governo dos Açores destacou esta quinta-feira, na ilha Terceira, a aposta que o Executivo tem feito na “qualificação como fator indispensável à promoção da empregabilidade”.

Sérgio Ávila, que falava na inauguração da Escola Profissional da Praia da Vitória, salientou que, graças a essa aposta, a Região tem hoje “mais Açorianos qualificados do que em qualquer outro momento da sua História”.

“Os resultados têm mostrado que esse esforço compensou, não só do ponto de vista das habilitações que proporcionou – e, desde logo, no aumento das hipóteses de empregabilidade aos jovens –, mas também na projeção dos Açores como região onde o ensino profissional atinge níveis de excelência comprovados por dezenas de prémios em concursos nacionais e internacionais”, afirmou.

Na sua intervenção, o Vice-Presidente revelou que o investimento do Governo em cursos profissionais, “só nesta legislatura, é superior a 21,6 milhões de euros”, o que permitiu às escolas profissionais e entidades formadoras certificadas ministrarem 1.237 cursos destinados a ativos empregados e desempregados que possibilitaram a formação de cerca de 15 mil Açorianos.

Nesse mesmo período, de pouco mais de três anos, foram abertos cerca de 300 cursos de longa duração, no âmbito do ensino profissional e do programa Reativar, envolvendo mais de 5.500 formandos.

“Todo este trabalho, apoiado pelo Governo e desenvolvido quotidianamente nas nossas escolas profissionais, mais não é do que um investimento no futuro”, frisou.

As novas instalações da Escola Profissional da Praia da Vitória representam um investimento de 7,5 milhões de euros, salientando o Vice-Presidente esperar o contributo futuro de quantos ali fizerem a sua formação, designadamente em áreas, como o turismo, que apresentam crescimento assinalável e perspetivas de maior empregabilidade.

“O significativo crescimento do turismo na ilha Terceira, que, só nos últimos dois meses, aumentou mais de 168 por cento face ao mesmo período do ano anterior, apresenta perspetivas de crescimento reforçadas com a nova ligação à Alemanha, que hoje se inicia, e na sequência das operações com os Estados Unidos, Espanha e Holanda, que já decorrem”, disse Sérgio Ávila.

“Este crescimento do turismo na ilha Terceira terá ainda maior consistência e sustentabilidade com o início dos voos ‘low cost’ a partir do próximo período IATA – outubro – consolidando assim as perspetivas muito positivas de aumento da atividade turística na ilha Terceira”, acrescentou.

O Vice-Presidente aludiu a “novas áreas de formação que importa desde já planear, nomeadamente aquelas que se abrem com o desenvolvimento do Porto da Praia como plataforma logística internacional”, bem como as que resultarão do “reaproveitamento das instalações da Base das Lajes para criação de uma plataforma cientifica nas áreas do espaço, da meteorologia, da climatologia e da oceanografia”.

Sérgio Ávila sublinhou que “são novas oportunidades de desenvolvimento estrutural da ilha Terceira, de criação de rendimento e de emprego”, lembrando, a propósito, que o combate ao desemprego está a ter resultados positivos, em resultado da prioridade que o Governo lhe tem dado.

O Vice-Presidente destacou, nesse contexto,  o facto de o número de desempregados inscritos ser atualmente o mais baixo dos últimos 41 meses e de no último ano se ter verificado a maior redução da taxa desemprego dos últimos 10 anos, bem como de atualmente o número de Açorianos a trabalhar ser o mais elevado desde 2011.

“Estes resultados apenas constituem uma motivação acrescida para fazermos, todos, ainda mais e melhor para continuar a promover o emprego como nossa prioridade e contribuir para encontrar soluções estáveis para todos aqueles que ainda não conseguiram vencer o desafio da empregabilidade”, afirmou Sérgio Ávila.

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top