CDS não compreende estagnação na requalificação da Marina de Velas 

Em jornadas Parlamentares a decorrer na Ilha de São Jorge, os deputados do CDS, Artur Lima, Catarina Cabeceiras e Alonso Miguel visitaram a Marina de Velas, onde denunciaram  nada saber sobre o estudo proposto pelo CDS para a sua requalificação e que foi aprovado no parlamento, o que, no entendimento da deputada do CDS pelo círculo eleitoral de São Jorge, Catarina Cabeceiras, “demonstra a demora sistemática do governo em investir em São Jorge, o que compromete o desenvolvimento económico e social da ilha”.

Para a deputada jorgense, “é preciso muita persistência, muita reivindicação, para que este governo e esta maioria socialista olhem para São Jorge, e esse é um trabalho que só o CDS tem feito no parlamento, fazendo ouvir, sem desistir, a voz dos jorgenses e fazendo aprovar medidas que procuram resolver os seus problemas”.

Para o Presidente do Grupo Parlamentar do CDS Açores, Artur Lima, “esta visita demonstra o trabalho do CDS e a omissão do governo para com a ilha da São Jorge. O CDS como oposição responsável fez aprovar na assembleia o estudo de requalificação da Marina de Velas. O Governo, como em muitas áreas da governação, como sempre, parece que nada fez. Não pode ser esse o caminho que o governo e o PS reservam para o futuro dos Jorgenses e dos Açorianos. Basta de anúncios, basta de projetos e obras que, ano após ano, apenas existem no papel. Os Jorgenses e os Açorianos merecem que as coisas sejam feitas e que as suas necessidades sejam atempadamente atendidas”.

No âmbito das Jornadas Parlamentares, dedicadas, no decorrer dia de hoje, às condições de acesso à saúde dos Jorgenses, o grupo parlamentar do partido visita hoje as obras a decorrer no centro de Saúde das Velas.

GI CDS-PP Açores/RL Açores

Deixe uma resposta