DestaqueLocalPoliticaTurismo

CDS-PP questiona Governo Regional sobre o impacto dos horários da Atlanticoline no combate à sazonalidade no Turismo

O Grupo Parlamentar do CDS, por iniciativa da Deputada Catarina Cabeceiras, apresentou, esta quinta-feira, um requerimento na Assembleia Regional, onde questiona o Governo sobre as alterações nos horários da Atlanticoline.

Para o CDS, e tal como se pode ler na nota de imprensa enviada às redações, é crucial que se reduza a sazonalidade no setor do Turismo e se assegure uma rede de transportes regular e estável a quem visita os Açores. Os transportes marítimos assumem especial importância para as ilhas do grupo central, nomeadamente as ilhas do triângulo, dada a elevada circulação de turistas entre as três ilhas.

No entanto, segundo afirma Catarina Cabeceiras, este ano a duração das duas viagens diárias da linha verde à ilha de São Jorge foi de apenas cerca de três meses, iniciando-se em junho e terminando a 19 de setembro. Ora esta alteração de horário não beneficia o combate à sazonalidade e prejudica os empresários do setor, afirma a deputada do CDS-PP eleita por São Jorge, n requerimento enviado.

Assim sendo, o CDS quer saber se o Governo Regional tem conhecimento da situação, qual a justificação para tão curta duração da vigência das duas viagens diárias da linha verde para a ilha de São Jorge, se as entidades representantes do setor foram consultadas quanto às alterações de horários e se o Governo Regional não considera como medida válida no combate da sazonalidade, tão sentida na ilha de São Jorge, que se prolongue o período de funcionamento destas duas viagens diárias.

GI CDS-PP Açores/RL Açores

Comment here