Home / Destaque / Chef Ljubomir diz que a restauração em São Jorge tem tudo para evoluir a começar pela “matéria-prima de qualidade” que está ao dispor na ilha (c/áudio)
Chef Ljubomir diz que a restauração em São Jorge tem tudo para evoluir a começar pela “matéria-prima de qualidade” que está ao dispor na ilha (c/áudio)

Chef Ljubomir diz que a restauração em São Jorge tem tudo para evoluir a começar pela “matéria-prima de qualidade” que está ao dispor na ilha (c/áudio)

Há quem diga que é o chef mais criativo a cozinhar em Portugal, Ljubomir Stanisic está em São Jorge a dar uma formação de cozinha.

“Encontro com a Gastronomia” é o nome do evento que junta a restauração do concelho da Calheta na cozinha com o famoso Chef.

Ljubomir conhece São Jorge há muitos anos e considera que a restauração tem vindo a evoluir, mas há ainda um longo caminho pela frente.

Sobre os ensinamentos que tenta transmitir na formação, o Chef garante que não descura os produtos típicos da ilha, mas que os cozinharia de 100 maneiras diferentes, ou não fosse o nome do seu Restaurante em Lisboa “100 Maneiras”.

Uma semana é pouco para este tipo de formação, mas Ljubomir diz que vai voltar e até já fez contratações em São Jorge.

A formação que é promovida pela Câmara da Calheta é também uma forma a aliar cada vez melhor a gastronomia ao turismo.

Formandos já põem em prática ensinamentos do Chef

Ora, e esta formação que é promovida pela Câmara Municipal da Calheta é, única e exclusivamente, destinada aos restaurantes do concelho.

Os cozinheiros e empresários da restauração da Calheta não escondem o entusiasmo e a meio da formação já ariscam fazem mudanças nos seus restaurantes.

A formação teve início a 5 de março e termina na próxima terça-feira, dia 13 e são 15 os formandos que participam no Encontro com a Gastronomia e que seguem atentamente as instruções dadas pelo Chefe Ljubomir.

Conhecido por ser exigente na cozinha, os formandos não perdem um segundo de atenção e seguem à risca os passos do Chef.

Para Dina Pereira a experiência tem sido ótima, destacando todos os conhecimentos transmitidos.

E para quem começa agora a dar os primeiros passos na restauração a formação é ainda mais importante, como é o caso de Jorge Freitas.

E há também quem já comece a pôr em prática algumas aprendizagens.

Esta formação foi gratuita para a restauração do concelho da Calheta tendo o convite para a respetiva participação partido da Câmara da Calheta.

Liliana Andrade/RL Açores

Fotografia: ©Direitos Reservados

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top