Home / Destaque / Chumbo da esquerda ao Programa do XX Governo Constitucional “é um assalto ao poder”, critica CDS-PP
Chumbo da esquerda ao Programa do XX Governo Constitucional “é um assalto ao poder”, critica CDS-PP

Chumbo da esquerda ao Programa do XX Governo Constitucional “é um assalto ao poder”, critica CDS-PP

A Dirigente do CDS-PP Açores Graça Silveira considerou, esta terça-feira, que o voto contra dos partidos da esquerda ao programa do XX Governo Constitucional de Portugal configurou “um assalto ao poder orquestrado por António Costa e instruído por Carlos César” que “para governar o País e a qualquer preço não hesitaram em juntar-se ao comunismo e à extrema-esquerda”.

Em declarações aos jornalistas na sequência do chumbo ao Programa do Governo da coligação PSD/CDS “Portugal à Frente”, na Assembleia da República, Graça Silveira constatou ainda que “nunca, como hoje, se assistiu, em Portugal, a um Governo cair contra a vontade do eleitorado”.

Apelidando a junção do PS, BE, PCP e PEV como “um cocktail molotov”, a Presidente do Conselho Económico e Social do CDS-PP Açores e Vice-presidente da bancada parlamentar popular no Parlamento Regional, não teve dúvidas em temer pelo futuro do País: “infelizmente, este cocktail molotov mesmo antes de explodir já está a provocar enormes estragos a Portugal; basta ver a reação dos mercados, com os juros da dívida pública a disparar”, apontou.

Graça Silveira estranhou, por outro lado, a posição de voto dos Deputados Açorianos eleitos pelo PS para a Assembleia da República: “não podemos deixar de estranhar que o Presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro tenha defendido que quem deve governar é quem ganha as eleições, mas tenhamos assistido aos Deputados dos Açores eleitos pelo PS a votar contra o Programa do Governo da coligação PSD/CDS, que ganhou as eleições. Afinal, a quem é que os Deputados do PS/Açores devem obediência: a Vasco Cordeiro ou a Carlos César?”, interrogou-se.

GI CDS-PP Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top