Home / Açores / Concurso “ArtIsocial” pretende estimular a criatividade como ferramenta de combate às desigualdades e discriminações
Concurso “ArtIsocial” pretende estimular a criatividade como ferramenta de combate às desigualdades e discriminações

Concurso “ArtIsocial” pretende estimular a criatividade como ferramenta de combate às desigualdades e discriminações

O Governo dos Açores, através das direções regionais da Solidariedade Social, da Educação e da Juventude, em parceria com o CIPA – Novo Dia, apresentou hoje, em Ponta Delgada, a segunda edição do concurso ‘ArtIsocial’, inserido no projeto ‘Antes de me Discriminares, Conhece-me’.

O ‘ArtIsocial’ é um concurso de âmbito regional, dirigido aos jovens com idades até 30 anos, que visa estimular o uso da criatividade e da expressão artística como ferramentas de combate às desigualdades, às múltiplas discriminações e à violência doméstica, nomeadamente através das Artes Plásticas (pintura, desenho, banda-desenhada ou cartaz), da Literatura e da Fotografia.

Na apresentação do concurso, a Diretora Regional da Juventude salientou que este é “mais um exemplo do compromisso do Governo dos Açores com uma sociedade que respeita a singularidade e dignidade humana, a liberdade, a igualdade e a solidariedade”.

Pilar Damião sublinhou ainda a importância de “sensibilizar as novas gerações para a diferença étnica, sexual, religiosa e cultural do «outro»”, numa época em que “dramaticamente, os nacionalismos de exclusão e a homofobia tendem a emergir na Europa”.

Por seu lado, o Diretor Regional da Solidariedade Social, Frederico Sousa, realçou a relevância deste concurso, na medida em que constitui uma oportunidade para os jovens participarem “de forma criativa e cívica na sensibilização, divulgação e intervenção no combate à discriminação e violência doméstica”.

A Diretora Regional da Educação, Fabíola Cardoso, também presente nesta sessão, salientou que o projeto ‘Antes de me Discriminares, Conhece-me’ vai ao encontro de uma das principais prioridades da Educação, contribuindo para “a preparação das crianças e jovens para uma cidadania plena e responsável neste século XXI que nos traz maravilhosos avanços científicos e tecnológicos, mas que mantém níveis elevados de desigualdade, de exclusão social e de discriminação”.

O concurso ‘ArtISocial’ vai atribuir prémios aos melhores trabalhos em cada área artística, resultando ainda desta competição uma exposição de trabalhos selecionados e a realização de noites temáticas.

As inscrições decorrem até 30 de junho e podem ser feitas na página do CIPA – Novo Dia na Internet, disponível no endereço eletrónico www.novodiacipa.org.

O projeto ‘Antes de me Discriminares, Conhece-me’ teve início em 2013 e tem permitido a realização de ações de sensibilização em oito ilhas do arquipélago, com a exceção do Corvo, tendo já abrangido cerca de 20 mil jovens.

Além do seu caráter informativo, o projeto pretende estimular o exercício de uma cidadania ativa no público jovem, promovendo o combate à violência doméstica e desmistificando preconceitos, estereótipos e representações sobre o género, a idade, a orientação sexual, a etnia e a deficiência.

Em 2015, este projeto integra o Roteiro da Igualdade, que irá percorrer todas as escolas secundárias e profissionais dos Açores.

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top