Home / Cultura / Coro e Orquestra José Damião de Almeida foi até à cidade berço “cantar e encantar” – Grupo jorgense levou no reportório músicas bem açorianas (c/áudio)
Coro e Orquestra José Damião de Almeida foi até à cidade berço “cantar e encantar” – Grupo jorgense levou no reportório músicas bem açorianas (c/áudio)

Coro e Orquestra José Damião de Almeida foi até à cidade berço “cantar e encantar” – Grupo jorgense levou no reportório músicas bem açorianas (c/áudio)

Recentemente o Coro e Orquestra José Damião de Almeida deslocou-se da ilha de São Jorge até à cidade de Guimarães, no continente português, levando consigo cantares bem açorianos e levando o nome da ilha e da região até àquela que é considerada a Cidade Berço.

Em entrevista recente à RL Açores, Paulo Silveira, o presidente da Associação do Coro e Orquestra, explicou como surgiu a oportunidade de se realizar este intercâmbio com um o Orfeão Coelima, que os acolheu, e como decorreu a viagem.

Na bagagem e no reportório, para além de temas mais clássicos, a “açorianiedade” predominou e a maestrina Marla Monteiro regeu músicas tradicionais açorianas sempre acompanhadas da orquestra também ela composta por músicos naturais ou residentes em São Jorge que permitiu assim ao grupo “cantar e encantar” nas várias atuações realizadas.

Para breve já há atuações agendadas, de acordo com Paulo Silveira, que revelou convites também já feito ao Coro e Orquestra.

O Coro e Orquestra José Damião de Almeida tal como o próprio nome indica pretende homenagear a importante figura que foi para a ilha de São Jorge e mesmo para a região o empresário de sucesso José Damião de Almeida já falecido, sendo que a madrinha deste Coro e Orquestra é a sua mulher, Maria Almeida, que acompanha sempre que possível este grupo.

Ouça aqui a entrevista completa a Paulo Silveira:

Liliana Andrade/RL Açores

Fotografia: ©Direitos Reservados

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top