Açores

CROP é “documento estratégico” para as empresas da Região, afirma Vítor Fraga 

O Secretário Regional do Turismo e Transportes reafirmou hoje, na Horta, a importância estratégica da Carta Regional das Obras Públicas (CROP), pelo suporte que tem providenciado às empresas de construção civil regionais durante a fase de transição que se deu no setor.

Vítor Fraga, que falava na Assembleia Legislativa em resposta a uma declaração política do CDS/PP, frisou que a CROP foi assumida “como um documento estratégico para as empresas da Região”, não sendo, no entanto, o único instrumento a contribuir para a recuperação da construção civil nos Açores, que passou por uma fase de reajustamento.

O Secretário Regional, ressalvando a importância da CROP, salientou que este instrumento “deve ser encarado e medido com os critérios e os indicadores que foram definidos desde o início, que era o número de procedimentos lançados que, em bom rigor, é o único indicador que depende única e exclusivamente do Governo”, especificando que, “em termos de ‘timing’ de lançamento, é o único que depende exclusivamente do Governo”.

“A partir daí, há um conjunto de fatores, uns da parte de quem contrata, outros da parte de quem é contratado, que interferem com os ‘timings’, quer de execução, quer de adjudicação da obra, quer da própria execução”, afirmou Vítor Fraga, que criticou ainda a atitude do CDS/PP ao tentar deturpar os resultados atingidos pela CROP.

“O CDS/PP vem-nos a habituar a este registo”, frisou o Secretário Regional, salientando que, “perante os factos do sucesso da ação do Governo, tenta denegrir esse sucesso trazendo um conjunto de situações que não correspondem, de todo, à verdade e deturpando os factos tal como eles são”.

Vítor Fraga garantiu ainda que todo o Executivo vai continuar a “trabalhar de uma forma abnegada para que, quer o setor da construção civil, quer todos os outros setores de atividade, continuem nesta caminhada de recuperação” e para que viver nos Açores “seja sempre cada vez melhor”.

GaCS/RL Açores

Comment here