DestaqueLocal

Décio Pereira defende aposta maior no que é jorgense: o autarca mostrou-se satisfeito com o desenrolar do Festival de Julho (c/áudio)

O Festival de Julho de 2015 levou à Vila da Calheta muitos festivaleiros, contando com diversas atividades ligadas ao mar. Em entrevista à RL Açores, Décio Pereira, fez questão de realçar a crescente necessidade de se apostar no que é local, nomeadamente na gastronomia jorgense.

O autarca calhetense voltou a deixar um apelo às entidades governamentais e não-governamentais bem como aos deputados jorgenses na Assembleia Legislativa Regional.

A aposta nos produtos locais e na gastronomia local é uma luta que Décio Pereira tem travado e que afirma querer vencer.

Um festival que deixou o autarca calhetense satisfeito. O dia com maior afluência de público foi o sábado, dia em que desfilaram marchas de São Jorge, Graciosa e Terceira e dia em que atuou a banda GNR, que foram cabeças de cartaz nesta edição do Festival de Julho.

LA/RL Açores

Comment here