Home / Politica / Deputados do PS querem garantir a importância geoestratégica da Base das Lajes junto dos EUA
Deputados do PS querem garantir a importância geoestratégica da Base das Lajes junto dos EUA

Deputados do PS querem garantir a importância geoestratégica da Base das Lajes junto dos EUA

Os deputados do PS eleitos pelos Açores à Assembleia da República receberam, esta segunda-feira, a garantia do Ministro dos Negócios Estrangeiros de que “há um compromisso de que a importância geoestratégica da Base militar das Lajes seja reconhecida só pelos EUA” e que os Açores vão continuar como “centro de ligação transatlântico”.

Em resposta à parlamentar socialista, Lara Martinho, no âmbito da apreciação na especialidade do Orçamento do Estado para 2017, o ministro anunciou que no que concerne às infraestruturas, devem ser utilizadas para outras áreas de cooperação no domínio da segurança e em parceria com os EUA e com outros países, acrescentando que devem também servir para fazer dos Açores “uma grande plataforma de investigação científica internacional” em três áreas: área dos oceanos, do clima e do espaço.

Questionado sobre o impacto que poderão ter os resultados das eleições dos EUA no futuro da Base das Lajes, Augusto Santos Silva assegurou que o dossier da “Base das Lajes” será transferido para a nova administração norte-americana e que Portugal vai continuar a desenvolver esforços para que os Estados Unidos da América reconheçam o interesse estratégico das Lajes.

A Vice-Presidente do Grupo Parlamentar do PS realçou também a importância de serem desenvolvidos “projetos na ilha Terceira”. Em resposta, o ministro explicou que estão a ser dados passos importantes no sentido da criação do AIR Center – Azores International Research Center que conta já com a participação do Brasil, devendo a assinatura do convênio acontecer em março do próximo ano.

Para além de demonstrar a sua preocupação com a contaminação ambiental, cuja responsabilidade é dos EUA, a deputada socialista destacou, na sua intervenção, o “considerável trabalho” desenvolvido pelo atual Governo da República que “contrasta com o que fez o governo do PSD/CDS” em relação à situação socioeconómica da ilha Terceira depois do anúncio de redução de efetivos por parte dos EUA.

“As iniciativas por parte do Governo são tão ou mais importantes tendo em conta que o anterior governo optou por nada fazer, ou mesmo, anunciar e depois não fazer, como foi o caso das low cost”, afirmou Lara Martinho.

A deputada do PS evidenciou medidas, já  em execução, como a certificação da Base das Lajes para uso civil, o arranque, para breve, da operação de uma companhia low cost e ainda o início dos procedimentos para uma candidatura ao “Plano Juncker” para o desenvolvimento do Porto da Praia da Vitória.

“Já muito foi feito, mas existe ainda muito trabalho a ser desenvolvido em áreas muito específicas e para as quais é necessária uma posição firme por parte do Governo da República”, defendeu a deputada socialista, durante a audiência do Ministro dos Negócios Estrangeiros na Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, a propósito da discussão das Grandes Opções do Plano para 2017.

GI PS Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top