Dia Mundial da Diabetes celebrado com rastreio nas Velas

Celebra-se a 14 de Novembro o dia Mundial da diabetes, uma doença que segundo os especialistas se encontra em expansão.

Para marcar este dia, a unidade de Saúde de Ilha de São Jorge promoveu a 13 de Novembro, um rastreio de glicémia, tensão arterial e peso em frente aos passos do concelho na Vila das Velas.

Segundo Bruno Silva, dietista pertencente à equipa que se encontrava na realização dos rastreios, a adesão foi grande por parte da população.

O dietista salientou a importância destes rastreios, uma vez que muitas pessoas não têm a preocupação de controlar os seus valores e “é em muitas destas iniciativas que muita vez se descobrem alguns problemas de saúde” que podem ser prejudiciais para as pessoas.

De acordo com Bruno Silva, as medidas preventivas para a diabetes devem passar também por um cuidado especial com a alimentação, afirmando que “as regras básicas passam por fazer várias refeições por dia, nunca esquecer o pequeno-almoço, incluir sempre fruta e vegetais na alimentação” e ter cuidado com o uso de gordura na confeção das comidas bem como “limitar” o consumo de açúcares e sumos.

Outra medida preventiva também muito importante está relacionada com a prática de exercício físico, que, segundo o dietista, não se deve resumir a “apenas duas ou três vezes por semana mas sim diariamente.”

Apesar de não ter um conhecimento preciso do número de diabéticos existentes na ilha, Bruno Silva, afirma que esta é uma doença em expansão, muito em parte devido à má alimentação das crianças, uma vez que estas “comem cada vez mais e cada vez pior e comem alimentos que não são muito aconselhados”, o que faz com “que aumentem de peso e o risco da diabetes aumenta também.”

Este rastreio prolongou-se durante todo o dia, sendo que no final do rastreio era dito às pessoas o nível de risco de poderem vir a ter diabetes consoante os seus valores.

Liliana Andrade/RL Açores

Deixe uma resposta