Home / Açores / É urgente definirem-se os reencaminhamentos aéreos, considera a Comissão Turismo da CCAH
É urgente definirem-se os reencaminhamentos aéreos, considera a Comissão Turismo da CCAH

É urgente definirem-se os reencaminhamentos aéreos, considera a Comissão Turismo da CCAH

A Comissão de Turismo da Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH) reuniu no dia 27 de janeiro para abordar o Plano de Revitalização da ilha Terceira e os Reencaminhamentos de passageiros com origem ou com destino aos Açores, no atual contexto das novas Obrigações de Serviço Público.

Relativamente ao Plano de Revitalização da ilha Terceira, a Comissão realça “a extrema importância que o conjunto de medidas apresentadas no referido Plano, especialmente aquelas que diretamente dizem respeito ao sector do turismo. São medidas que abrangem vários eixos considerados importantes pela Comissão, como sendo a promoção, a captação de fluxos e estruturação da oferta”. Algumas destas medidas já tinham sido discutidas no âmbito das reuniões desta Comissão com o tecido empresarial desta ilha, estando a Comissão disponível para colaborar com o Governo Regional na implementação das medidas anunciadas.

Relativamente ao Plano de Revitalização da ilha Terceira, foi unânime satisfação sobre “os valores positivos anunciados relativos às boas taxas das reservas já efetuadas junto das companhias Ryanain e Easyjet para a ilha de São Miguel”.

No entanto, a Comissão realçou que nada tem sido feito relativamente a os reencaminhamentos, quer dos residentes das ilhas Terceira, Graciosa e São Jorge, bem como das restantes ilhas, quer dos turistas que queiram visitar essas mesmas ilhas e que optem viajar pelas Companhias Low Cost.

De acordo com as simulações feitas recentemente nos sites da Ryanair e Easyjet, não há opção de escolha como destino qualquer uma das restantes ilhas do arquipélago, sabendo-se também que os agentes de viagens, até ao momento, não têm qualquer indicação relativa aos procedimentos a tomar nesse sentido.

A Comissão relembra que por altura do anúncio das entradas da liberalização do espaço aéreo para São Miguel e Terceira, foi comunicado que os reencaminhamentos dos turistas, bem como de qualquer residente, seriam gratuitos. Perante o atual anúncio das vendas já efetuadas pelas Companhias Low Cost, espera-se que esta situação fique rapidamente resolvida.

A Comissão receia que o atual cenário coloque as restantes ilhas em concorrência desleal, favorecendo-se uma única ilha, até o modo operandis dos reencaminhamento não se encontrar definido e implementado. A este receio acresce ainda o facto de, até à data, se desconhecer igualmente qual estratégia da SATA e da TAP para a ilha Terceira, estando esta ilha perante mais um cenário de incertezas durante este ano de 2015, desta vez no que toca ao transporte aéreo.

GI CCAH/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top