DestaqueLocal

Escola Profissional de São Jorge com poucas inscrições para o próximo ano letivo – Luís Silveira queixa-se da “concorrência” das escolas públicas (c/áudio)

O Grupo Municipal do PS questionou na última reunião da Assembleia Municipal das Velas o executivo camarário sobre os procedimentos para a instalação de uma Incubadora de Empresas na Escola Profissional da ilha de São Jorge, sendo que esta questão levou o Presidente da autarquia a falar sobre a realidade que se vive atualmente naquela escola, que, de acordo com Luís Silveira, “está sem alunos”.

A revelação foi desencadeada depois da questão de Ana Paula Soares, deputada municipal socialista.

 

Ora, na resposta, Luís Silveira, o presidente do Município, revelou que o processo para a criação de uma Incubadora de Empresas está a decorrer, mas revelou que as preocupações neste momento são outras, como a falta de alunos na Escola Profissional de São Jorge.

O autarca tornou pública a situação que se vive na escola profissional, revelando que as inscrições são diminutas nesta altura, apontando responsabilidades novamente aos cursos profissionais que são agora oferecidos na EBS das Velas.

Luís Silveira diz mesmo que o ensino público faz concorrência direta às Escolas Profissionais, apontando mesmo o dedo à Escola Básica e Secundária de Velas por abrir precisamente um curso igual ao da Escola Profissional, nomeadamente o Curso de Turismo.

O presidente do Município das Velas frisou por isso mesmo que “a Incubadora de Empresas pode ser uma lufada de ar fresco para a Escola Profissional da ilha de São Jorge”.

 

Liliana Andrade/RL Açores

Fotografia: Mark Marques

Comment here