Home / Destaque / Foca capturada no Topo já seguiu para Ílhavo – Diretor Regional dos Assuntos do Mar explica este fenómeno natural (c/áudio)
Foca capturada no Topo já seguiu para Ílhavo – Diretor Regional dos Assuntos do Mar explica este fenómeno natural (c/áudio)

Foca capturada no Topo já seguiu para Ílhavo – Diretor Regional dos Assuntos do Mar explica este fenómeno natural (c/áudio)

A Foca encontrada no Topo, em São Jorge, já viajou para Ílhavo, no Algarve, e não para a Figueira da Foz como tinha sido noticiado esta terça-feira.

De acordo com o Diretor Regional dos Assuntos do Mar, o aparecimento de focas nos Açores é um fenómeno natural já com registos centenários.

No entanto a sua estadia no mar dos Açores acaba por ser prejudicial para os próprios animais, tal como adiantou Filipe Porteiro, em entrevista à RL Açores.

O animal esteve primeiro no Faial, mais concretamente na Praia do Almoxarife, depois nas Lajes do Pico, tendo depois desaparecido por uns dias, reaparecendo então na segunda-feira no porto do Topo, em São Jorge.

Filipe Porteiro adianta que a Foca, que estava a ser monitorizada pela Direção Regional dos Assuntos do Mar e pela autoridade marítima local, foi agora capturada por já se encontrar bastante debilitada.

O Diretor Regional explica ainda que apenas não agiram mais cedo porque se trata de uma espécie que não está em risco.

Agora depois de já ter seguido por via aérea para o Centro de Reabilitação de Animais Marinhos, em Ílhavo, a Foca vai lá permanecer até recuperar totalmente para depois ser transportada e libertada junto das colónias de focas da mesma espécie ao que tudo indica nas costas da Irlanda.

Liliana Andrade/RL Açores

Fotografia: ©Direitos Reservados

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top