Folclore e Dança Contemporânea revelaram-se junção improvável de sucesso no Espetáculo “(Des)Encontros” (c/áudio e vídeo)

No passado sábado, dia 6 de maio, o Auditório Municipal das Velas contou com casa cheia para assistir ao espetáculo “(Des)Encontros”. Um espetáculo improvável que aliou a dança contemporânea ao folclore juntando o Gimni Centro Health Club e o Grupo de Folclore de Rosais.

Pés descalços, trajes a rigor, modas tradicionais com um toque de contemporaneidade e estava dado o mote para uma junção improvável, mas que se revelou um sucesso.

Formados no mesmo ano, em 1991, o Grupo de Folclore de Rosais e o Gimni Centro Health Club, juntaram-se agora para promover um espetáculo que marcou pela diferença.

Para Ana Soares, a responsável pelo projeto Desencontros, não foi fácil coordenar 60 pessoas em cima do palco, com dois tipos de dança tão distintos, mas valeu a pena.

Modas tradicionais como a saudade, o fado, a bela aurora ou a chamarrita foram bailadas, tocadas e cantadas pelos membros do folclore e pelas bailarinas do Ginásio Gimni Centro, num espetáculo que demorou cinco meses a preparar.

Para o Grupo de Folclore de Rosais que partilhou pela primeira vez o palco com jovens bailarinas de dança contemporânea, neste caso, a experiência ao início estranhou-se, mas depois entranhou-se.

Para Gil Ávila, do grupo de folclore de Rosais, este tipo de projetos só vem fazer bem ao Folclore, mostrando-se disponível para novos projetos deste género.

Ana Soares garante que sai deste espetáculo com novas ideias para o futuro e fica no ar a possibilidade dos dois grupos voltarem a encontrar-se.

No final a plateia do Auditório Municipal das Velas aplaudiu de pé o Espetáculo Desencontros que terminou com uma moda bem conhecida de todos – A Lira.

Veja aqui o vídeo: https://www.facebook.com/RlAcores/

Liliana Andrade/RL Açores

Deixe uma resposta