Home / Destaque / Funcionários do Instituto de Santa Catarina já começaram a ser ouvidos pelo Ministério Público
Funcionários do Instituto de Santa Catarina já começaram a ser ouvidos pelo Ministério Público

Funcionários do Instituto de Santa Catarina já começaram a ser ouvidos pelo Ministério Público

Os funcionários do Instituto de Santa Catarina começaram a ser ouvidos esta segunda-feira no âmbito do processo de investigação a uma educadora de infância acusada de alegados maus tratos a crianças no Jardim de Infância daquela Instituição.

Segundo noticiou a Rádio Pública, a educadora em causa regressa ao serviço no próximo dia 9 de novembro, ou seja, na próxima segunda-feira.

Todo este processo se desencadeia três meses depois da pena de suspensão aplicada pela própria instituição, na sequência de um processo disciplinar.

Ora, a Direção da Instituição disse à Rádio Pública que “o melhor era que a educadora não voltasse a trabalhar com as crianças”, tendo-lhe sido proposto, através do advogado, que fosse para outra valência do Instituto, nomeadamente o Centro de Dia.

Algo que a educadora em causa já disse que “só aceita se lhe pagarem os três meses de vencimento em que esteve suspensa. Uma contra-proposta que a direção rejeita, dizendo mesmo que se trata de uma hipótese impensável e inaceitável e que não tem nem terá qualquer negociação”.

A Rádio Pública adianta ainda que a direção do Instituto vai voltar a reunir esta semana.
Entretanto, a investigação do Ministério Público prossegue, sendo que nos próximos dias espera-se que os pais comecem a ser chamados.

A1 Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top