Home / Politica / Governo recusou pediatra “reconhecido” para servir a ilha do Pico, acusa PSD Açores
Governo recusou pediatra “reconhecido” para servir a ilha do Pico, acusa PSD Açores

Governo recusou pediatra “reconhecido” para servir a ilha do Pico, acusa PSD Açores

O vice presidente do grupo parlamentar do PSD/Açores, Luís Maurício, lamentou esta segunda-feira que o Governo Regional “tenha recusado os serviços de um pediatra reconhecido, como é o Professor Luís Nunes, para continuar a trabalhar na Unidade de Saúde da Ilha do Pico (USIPico)”.

O social democrata frisou que, na audição desta segunda feira, na comissão de Assuntos Sociais, o Secretário Regional da Saúde “procurou sempre desviar a situação para a querela jurídica que opõe a tutela da Saúde à ex-presidente de Conselho de Administração da USIPico. Não é isso que está em causa, essa é uma questão jurídica e vão discuti-la”.

Para Luís Maurício, Rui Luís “não quis foi esclarecer porque é que o Médico Pediatra Luís Nunes não continuou como técnico de saúde diferenciado da USIPico”, daí que o PSD pretenda, assim como todos os restantes partidos com assento parlamentar, à exceção do PS, “que o próprio Professor Luís Nunes explique que interferência política é que houve, se é que a houve, na sua saída dos Açores. E isso vai acontecer amanhã [terça feira], em Ponta Delgada”.

“Perante uma competência indesmentível do Professor Luís Nunes, como gestor e como clínico, sair dos Açores nestas condições, apenas demonstra que, para os nossos governantes, não serviu um homem que, quinze dias depois, ser diretor clínico do Hospital das Estefânia, um dos maiores hospitais pediátricos do país”, disse Luís Maurício.

GI PSD Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top