Home / Açores / Há mais 2.605 Açorianos empregados e menos 1.401 ocupados só no último ano nos Açores
Há mais 2.605 Açorianos empregados e menos 1.401 ocupados só no último ano nos Açores

Há mais 2.605 Açorianos empregados e menos 1.401 ocupados só no último ano nos Açores

O Vice-Presidente do Governo destacou hoje, em Angra do Heroísmo, os “excelentes resultados” alcançados pelas políticas de emprego promovidas pelo Executivo regional, que resultaram em mais 2.605 Açorianos empregados e menos 1.401 Açorianos em programas ocupacionais em 2017.

“No último ano, conseguimos não só criar mais 2.605 postos de trabalho líquidos, como conseguimos integrar os 1.401 Açorianos que deixaram de frequentar e ter acesso a programas ocupacionais e, com a sua integração no mercado de trabalho, conseguiu-se reforçar este nível de emprego”, salientou Sérgio Ávila.

Para o Vice-Presidente do Governo, com estes dados, “fica definitivamente demonstrado que o aumento do emprego nos Açores não tem nenhuma correlação com programas ocupacionais”.

“Não há um aumento dos programas ocupacionais, o aumento do emprego nos Açores tem sido conseguido ao mesmo tempo que tem baixado, muito significativamente, a utilização de programas ocupacionais”, frisou Sérgio Ávila, acrescentando que “no último ano, há mais 2.605 Açorianos empregados e menos 1.401 Açorianos ocupados”.

Sérgio Ávila falava na cerimónia de entrega de mais 115 diplomas dos Cursos de Aquisição Básica de Competências (ABC) e certificados de habilitações do 12.º ano e de formação específica de língua inglesa.

O titular da pasta do Emprego salientou também o “enorme esforço” que o Governo dos Açores tem feito no sentido de qualificar os Açorianos “de forma a que possam ter maior competitividade e maiores condições de empregabilidade”, sustentando que o aumento do grau de escolaridade dos Açorianos desempregados já está a dar resultado.

“Os Açores são a região do país que tem o menor número de desempregados sem qualificação, ou seja, é a região onde se faz o maior esforço no sentido de requalificar todas as pessoas que ainda estão numa situação de desemprego e com isso criar melhores condições para que tenham emprego e possam, assim, integrar normalmente o mercado de trabalho”, afirmou Sérgio Ávila.

Os Cursos de Aquisição Básica de Competências (ABC), criados pelo Governo dos Açores com o objetivo de dotar adultos de mais qualificações e de maiores níveis de escolaridades, já abrangeram 11.068 Açorianos nos últimos quatro anos.

 

 

 

GaCS/RL Açores

Imagem: ©Direitos Reservados

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top