Hospital da Horta não fechará valências por falta de médicos

O Secretário Regional da Saúde garantiu hoje que está a acompanhar as preocupações expressas pelo conselho de administração do Hospital da Horta relativamente aos pedidos de reforma que têm sido feitos.

Segundo Luís Cabral as situações estão relacionadas com as áreas da medicina interna/oncologia, cardiologia e hematologia, mas garante que “as valências do Hospital da Horta são para manter”.

No caso da cardiologia o serviço ficará assegurado uma vez que existem dois profissionais.

No que respeita à ortopedia, uma área problemática no hospital da Horta, “contamos, de igual modo, poder cativar dois médicos desta especialidade, aproveitando os incentivos agora criados”, concluiu.

RL/GaCS

Deixe uma resposta