Home / Açores / Investimento de cerca de 100 milhões de euros no Parque Escolar cria condições para o sucesso escolar, afirma Vasco Cordeiro
Investimento de cerca de 100 milhões de euros no Parque Escolar cria condições para o sucesso escolar, afirma Vasco Cordeiro

Investimento de cerca de 100 milhões de euros no Parque Escolar cria condições para o sucesso escolar, afirma Vasco Cordeiro

O Presidente do Governo destacou esta quinta-feira o investimento de cerca de 100 milhões de euros efetuado, nesta legislatura, na modernização do parque escolar da Região, que constitui mais um sinal da aposta do Executivo Regional na criação de condições para garantir o sucesso escolar das crianças e jovens dos Açores.

“Ao longo desta legislatura, a Região investiu mais de 100 milhões de euros na requalificação e construção de novos edifícios escolares, um montante significativo e que é, também, um sinal desta aposta forte na Educação e na Formação como garante do futuro da nossa terra e do sucesso das gerações futuras”, afirmou Vasco Cordeiro.

O Presidente do Governo falava na inauguração da nova Escola Básica e Secundária das Lajes do Pico, um investimento de cerca de 17,3 milhões de euros, com capacidade para receber cerca de 600 alunos, disponibilizando uma oferta formativa que vai do Pré-Escolar, passando pelo 1.º, 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico, até ao Ensino Secundário, incluindo a Educação Especial e os ensinos Profissional e Artístico.

Segundo disse, esta escola das Lajes, à semelhança da nova escola da Ribeira Grande, inaugurada quarta-feira, ou da escola das Velas, em São Jorge, constitui mais um exemplo daquele que tem sido o trabalho desenvolvido pelo Governo, no sentido de requalificar o parque escolar dos Açores, de forma a garantir as melhores condições para os alunos e potenciando, por esta via, as condições para o sucesso dos seus percursos educativos.

“É isso que estamos a fazer com as obras da Escola Canto da Maia, em São Miguel, com a construção da Escola Básica e Secundária da Calheta, em São Jorge, assim como com várias outras intervenções como, por exemplo, na Escola Secundária Jerónimo Emiliano de Andrade e na Escola Básica e Secundária das Flores”, afirmou Vasco Cordeiro.

De acordo com o Presidente do Governo, paralelamente, estão em fase adiantada de conclusão os projetos relativos às escolas das Capelas e dos Arrifes e à segunda fase da escola de Rabo de Peixe, iniciando-se, também, o projeto da requalificação da Escola Básica Padre João José de Amaral, na Lagoa.

No primeiro dia do novo ano letivo na Região, Vasco Cordeiro adiantou, por outro lado, que, também ao nível dos equipamentos que o sistema educativo disponibiliza aos alunos Açorianos, tem sido feito um esforço nesta legislatura, como é o caso, por exemplo, do rácio de alunos por computador, que, na Região, se encontra nos 4,8, o que ultrapassa a meta estabelecida de cinco alunos por cada um destes equipamentos.

“Este é um indicador particularmente importante porque, numa Região insular e dispersa, também por esta via, se garante o direito básico de todos os alunos dos Açores terem a possibilidade de aceder às ferramentas” relevantes para o seu percurso educativo, destacou.

Na sua intervenção, Vasco Cordeiro anunciou, também, que este ano letivo fica ainda caraterizado pelo arranque de uma nova plataforma, designada Recursos Educativos Digitais Aberto (REDA), disponível para docentes e alunos, e que, numa primeira fase, colocará à disposição dos professores das disciplinas de Português, Matemática e Físico-Química, sobretudo do 3.º Ciclo do Ensino Básico, centenas de recursos educativos que estarão em constante atualização, potenciando a partilha de recursos pedagógicos abertos entre docentes.

“Numa segunda fase do projeto, vamos avançar para a utilização autónoma dos recursos por parte dos alunos, para contribuir para orientar e aprofundar o seu estudo”, adiantou.

“O ProSucesso oferece, assim, através da plataforma REDA, uma possibilidade de novos conteúdos e novos recursos, com utilização das novas Tecnologias de Informação e Comunicação, potenciando a confiança nos nossos docentes e na sua autonomia, e ajudando os nossos jovens a entenderem as múltiplas fontes de informação disponíveis”, destacou o Presidente do Governo.

Além disso, este ano foi criado o Ensino Especializado em Desporto, em regime de experiência pedagógica integrada no âmbito do currículo regular do 2.º e 3.º ciclos.

De acordo com Vasco Cordeiro, trata-se, na prática, de uma experiência única e inovadora no país e que prevê que, em escolas do Ensino Básico, possam ser reforçadas as componentes de ensino de Educação Física e Desportiva.

“Esta nova oferta arrancará em fase experimental em algumas das escolas da Região, em resultado de uma parceria entre a Direção Regional da Educação e a Direção Regional do Desporto, e obteve o parecer favorável da Sociedade Portuguesa de Educação Física e do Conselho Nacional das Associações Profissionais de Educação Física”, sublinhou Vasco Cordeiro.

O Presidente do Governo reafirmou, por outro lado, que as “as raízes do sucesso escolar não começam na escola, no Conselho Executivo ou na Secretaria da Educação, começam em casa de cada família, com cada pai e com cada mãe, no fundo, ao assumirem que o sucesso escolar é um dos melhores legados que podem deixar aos seus filhos e a toda a Região”.

GaCS / RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top