Home / Destaque / Investir no abastecimento de água em São Jorge é importante para garantir sustentabilidade ao setor agrícola, afirma João Ponte 
Investir no abastecimento de água em São Jorge é importante para garantir sustentabilidade ao setor agrícola, afirma João Ponte 

Investir no abastecimento de água em São Jorge é importante para garantir sustentabilidade ao setor agrícola, afirma João Ponte 

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou esta terça-feira, em São Jorge, que o investimento no abastecimento de água para as explorações agrícolas nesta ilha é “extremamente importante” para garantir sustentabilidade ao setor agrícola, que tem grande peso na economia jorgense.

“Se falarmos nos valores da receita bruta relacionada com a produção de leite, com as ajudas e apoios no âmbito do PRORURAL+ e POSEI, bem como na venda de carne, ronda uma verba superior a 20 milhões de euros, o que dá bem nota da importância deste setor para o desenvolvimento económico de São Jorge”, frisou João Ponte, que falava na inauguração do Reservatório dos Biscoitos, no concelho da Calheta.

O titular da pasta da Agricultura destacou ainda que, ao nível do volume de vendas de queijo de São Jorge, um produto emblemático da ilha e dos Açores, as cooperativas arrecadaram no último ano 13,4 milhões de euros, “valor que cresceu um milhão de euros face aos últimos quatro anos, o que denota que tem havido criação de valor e dá nota da importância da pecuária” para esta ilha do Grupo Central dos Açores.

A ilha de São Jorge representa quase 5% do total da produção de leite regional e 6% do total regional de bovinos aprovados para abate.

“No mês de maio, em particular, vamos ter a maior produção de leite registada na ilha de São Jorge desde sempre, o que revela, por um lado, a aposta que os agricultores continuam a fazer neste importante setor da atividade económica e, por outro lado, transmite-nos confiança em relação ao futuro do setor leiteiro”, disse João Ponte.

O Secretário Regional reiterou, no entanto, o apelo que fez há alguns meses nesta ilha para que os agricultores continuem a apostar na produção de leite, de modo a garantir a sustentabilidade e a competitividade do setor cooperativo.

Para o governante, a inversão do leite para a produção de carne não é desejável, porque, no arquipélago, São Jorge é das ilhas que melhor paga o leite ao produtor e há uma grande apetência natural e excelentes condições para este tipo de produção.

João Ponte, além da inauguração do Reservatório dos Biscoitos, esteve também esta manhã, no âmbito da visita estatutária a São Jorge, na apresentação do projeto do Reservatório dos Bardinhos, sendo que as duas obras totalizam um investimento de 100 mil euros.

O reservatório dos Biscoitos tem uma capacidade de 250 m3, enquanto nos Bardinhos está prevista a construção de dois reservatórios, com uma capacidade conjunta de 430 m3, a juntar aos 500 m3 já existentes.

Ainda esta manhã, o Secretário Regional da Agricultura e Florestas inaugurou o sistema de abastecimento de água da Ribeira do Meio, no concelho da Calheta, dando cumprimento às solicitações quer da Junta de Freguesia, quer da Associação Agrícola de São Jorge.

O sistema de abastecimento de água da Ribeira do Meio, orçado em quase 50 mil euros, contemplou a construção de um açude, uma conduta adutora, um reservatório metálico de 100m3 e um posto de abastecimento de água aos lavradores, beneficiando cerca de 58 explorações, numa área de 106 hectares.

“Esta infraestruturas no âmbito do abastecimento de água são um contributo importante para a sustentabilidade, para alavancar as produções e reduzir custos de atividade”, frisou João Ponte.

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top