Jovem de 13 anos terá ficado retido dentro de avião da Azores Airlines ao chegar ao Canadá (c/áudio)

Um jovem de 13 anos terá ficado retido dentro do avião durante mais de uma hora por um comissário de bordo da Azores Airlines ao chegar ao Canadá sem lhe fazer qualquer tipo de questão.

O jovem que é emigrante no Canadá com a mãe esteve a passar as férias de verão em São Jorge com o avós maternos e viajou sozinho por tal já lhe ser permitido pela SATA, fazendo-se acompanha das devidas autorizações dos pais.

Na vinda não teve qualquer problema, mas ao que tudo indica o regresso já não correu tão bem como relata o avô da criança.

Tudo aconteceu esta semana num voo entre a Terceira e Toronto quando um jovem de 13 anos ao chegar a Toronto terá sido impedido de sair do avião por um comissário de bordo da Azores Airlines.

Indignado com a situação, António Laureno, o avô do jovem, conta exatamente o que aconteceu.

Ora, de acordo com António Laureno na vinda para São Jorge e mesmo no embarque de São Jorge Terceira e Terceira Toronto não houve qualquer tipo de problema.

O avô do jovem diz ainda não perceber qual a autoridade de um comissário de bordo para tal atitude.

António Laureno já fez uma reclamação por escrito à SATA, mas pretende mais esclarecimentos e que situações destas não voltem a acontecer, revelando ainda o feedback que teve na hora da reclamação.

Também a mãe do jovem no Canadá está incrédula com a situação e já reclamou.

Agora o avô teme que o jovem fique com algum género de trauma em voltar a viajar sozinho e pede esclarecimentos à SATA.

SATA rejeita acusações

Ora e segundo a explicação da companhia aérea açoriana perante estas acusações, António Portugal, o porta-voz da SATA, que falou à RTP Açores, diz mesmo que não vê razão de ser para as mesmas, uma vez que alega que o jovem não ficou retido, tendo tido apenas que aguardar, em conjunto com outros passageiros, enquanto saiam do avião 21 passageiros em cadeiras de rodas.

António Portugal adiantou ainda que neste caso não foi solicitado o acompanhamento que a companhia presta a menores que viajam sozinhos.

 

Liliana Andrade/RL Açores/RTP A

Fotografia: ©Direitos Reservados

Deixe uma resposta