Madalena eleita Cidade do Vinho 2017

Sendo, por excelência, uma das treze regiões vinícolas em todo o mundo património da humanidade, o Município conquistou a vitória e irá trazer pela primeira vez aos Açores o evento mais importante da vitivinicultura nacional.

A Madalena fez história. O Município foi eleito, esta segunda-feira, Cidade do Vinho 2017, reunindo a maioria dos votos dos membros da Associação Municípios Portugueses do Vinho (AMPV).

De acordo com um comunicado da autarquia, a candidatura da Madalena destacou-se entre as cinco concorrentes pela sua singularidade, evidenciando-se pelas suas características únicas, nomeadamente pela Paisagem da Cultura da Vinha da Ilha do Pico, aclamada em 2004 Património da Humanidade, pela Unesco, que a considerou uma das mais complexas estruturas alguma vez criadas pelo Homem, bem como pela representatividade e evidente crescimento da vitivinicultura, potenciando outras áreas de atividade a montante e a jusante deste setor, muito em particular do enoturismo.

Fortalecendo a marca Madalena, Capital dos Açores da Vinha e da Vinho, a candidatura do Município contou com o apoio de mais de uma centena de parceiros no arquipélago, nomeadamente todas as autarquias do grupo central e as mais importantes empresas açorianas, num verdadeiro abraço comunitário.

No comunicado em causa, o Município agradeceu ainda a todas as instituições e individualidades, a todos os Picoenses, a todos os açorianos, que com o seu contributo possibilitaram esta conquista, levando o Pico e os Açores além-fronteiras.

GI CM Madalena/RL Açores

Deixe uma resposta