Home / Destaque / Polícia Marítima assiste embarcação de pesca ao largo da ilha de São Jorge
Polícia Marítima assiste embarcação de pesca ao largo da ilha de São Jorge

Polícia Marítima assiste embarcação de pesca ao largo da ilha de São Jorge

No dia 9 de abril, cerca das 22h35, o piquete da Polícia Marítima da Horta recebeu uma chamada telefónica do Mestre de uma embarcação de pesca, que dava conta de que tinha uma entrada de água na casa das máquinas.

A embarcação de pesca, que fazia o trânsito entre o porto da Horta, na Ilha do Faial, e o porto de São Mateus, na Ilha Terceira, encontrava-se na altura a sul do Topo (extremo leste da Ilha de São Jorge).

De imediato foi acionada uma embarcação semirrígida de grande capacidade da Polícia Marítima e uma embarcação da Estação Salva-vidas da Horta, largando prontamente para proceder ao socorro.

Praticamente em simultâneo, foi solicitada a intervenção dos Bombeiros Voluntários da Calheta de São Jorge, por se encontrarem bastante mais perto da embarcação em apuros. Estes fizeram-se ao mar a bordo duma embarcação marítimo-turística, a “Simão Gato”, comandada pelo seu proprietário.

Num esforço para melhor precisar a localização da embarcação, foi empenhada uma patrulha da Polícia Marítima que por terra percorreu a orla marítima da Ilha de São Jorge. Também os faroleiros do Farol do Topo prestaram o seu contributo na vigilância da movimentação de embarcações próximas de costa.

A embarcação de pesca, que entretanto invertera o rumo dirigindo-se para a Calheta de São Jorge, conseguiu controlar o alagamento, tendo sido intercetada pelas embarcações de socorro pelas 00h10.

A embarcação foi depois acompanhada pela Polícia Marítima, como medida de precaução, até ao porto da Calheta, na Ilha de São Jorge, onde chegou a salvo pelas 02h05 da madrugada.

Realça-se que o controlo das operações a partir da Horta foi amplamente facilitado pelas ferramentas disponibilizadas pelo sistema “Costa Segura”.

À chegada, para prestar assistência, encontrava-se uma patrulha da Polícia Marítima e peritos da Delegação Marítima das Velas de São Jorge.

A ação foi acompanhada pelo Centro de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada.

Durante a manhã do dia 10 de abril, a embarcação corrigiu a avaria, tendo sido testada no mar, em navegação, sendo considerada apta a prosseguir a viagem pelos peritos da Delegação Marítima das Velas de São Jorge.

A embarcação seguiu para o porto de destino inicialmente estabelecido, tendo chegado a São Mateus pelas 16h00 do dia 10 de abril.

Capitania do Porto da Horta/RL Açores

Imagens: ©Capitania do Porto da Horta

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top