AçoresDestaque

Programa de formação “Projetos Educativos das Casas de Acolhimento” arranca esta terça-feira nos Açores

A Secretaria Regional da Solidariedade Social promove, a partir de hoje, os “Projetos Educativos das Casas de Acolhimento da Região Autónoma dos Açores”, um programa de formação que visa promover a qualidade e atualidade dos modelos de intervenção e práticas educativas das 40 Casas de Acolhimento Residencial instaladas no arquipélago.

Este programa de formação, que vai decorrer durante o biénio 2019/2020, arranca com uma ação na Cáritas da Ilha Terceira, decorrendo a segunda ação na Casa Manuel de Arriaga, na Horta, na quinta-feira, 7 de novembro.

A formação, constituída por três fases, é promovida pelo Instituto da Segurança Social dos Açores (ISSA) e visa a caraterização do perfil de entrada das crianças e jovens do sistema de acolhimento residencial da Região, a construção dos projetos educativos em todas as casas de acolhimento dos Açores e um plano de formação específico para as equipas educativas e técnicas das casas de acolhimento.

No total, serão abrangidas 23 unidades residenciais na ilha de São Miguel, 12 na Terceira e cinco unidades residenciais nas ilhas do Pico, Faial e São Jorge.

A atual proposta de formação constitui um contributo substancial no sentido de dotar o Sistema de Residencial de Acolhimento de Crianças e Jovens da Região das mais atuais práticas nesta área de conhecimento.

Contém um elevado potencial para contribuir para o incremento da qualificação, envolvimento, bem-estar, segurança e confiança das equipas, de forma a que todos percebam para onde devem orientar a sua atuação e os resultados sejam potenciados, duradouros e determinem a eficiência e qualidade da tipologia desta resposta social.

As Casas de Acolhimento Residencial ficarão dotadas de projetos educativos próprios e a Equipa de Acompanhamento Técnico ao Acolhimento Residencial de Crianças e Jovens do ISSA vai monitorizar a sua implementação, sob orientação do especialista André Rodrigues.

Após o final dos trabalhos, será agendada uma apresentação formal dos resultados perante as entidades que vão participar/colaborar nesta iniciativa.

Este plano de formação insere-se na política do Governo dos Açores de promover a qualidade e atualidade dos modelos de intervenção e práticas educativas das 40 Casas de Acolhimento Residencial instaladas na Região.

GaCS/RL Açores

Comment here