Propostas do PS vão beneficiar pesca nos Açores, garante Carlos César

O cabeça de lista do PS/Açores às legislativas do próximo dia 4 de outubro garantiu esta quarta-feira que as propostas presentes no programa de governo do Partido Socialista podem agilizar a atividade piscatória na Região sobretudo nas áreas em que as autorizações ainda estão dependentes do exterior.

Carlos César reuniu com a Associação de Armadores de Pesca, no âmbito da visita que está a realizar à ilha do Pico, e lembrou várias situações que envolvem o Governo da República no setor das pescas do arquipélago para as quais apresentou soluções como o “Simplex do Mar, que consta do programa do governo do Partido Socialista”. A medida referida tem como objetivo a simplificação e a desburocratização de tudo aquilo que concerne à atividade marítima.

Para o candidato socialista esta proposta pode ajudar a lidar com questões que envolvem “a decisão do Governo da República, como as que têm a ver com a fixação de quotas ou a representação dos interesses da Região no exterior”, bem como as que estão relacionadas com “a certificação de equipamentos e de embarcações, com a vistoria e inspeção”, assim como “toda a panóplia burocrática que envolve hoje a atividade da pesca e o seu licenciamento, que pode e deve ser resolvida com maior eficiência”.

Carlos César criticou ainda o desinvestimento que, no seu entender, tem acontecido relativamente ao setor das pescas, dando como exemplo a fiscalização e a segurança marítimas.

“O que tem acontecido nestes últimos anos é um desinvestimento constante na atividade da pesca, no que diz respeito à componente nacional, um desinvestimento constante nas forças que têm a seu cargo a fiscalização e o policiamento e é importante que tudo isto seja reposto a um nível que dê tranquilidade ao setor e que lhe maior eficiência e maior grau de confiança”, concluiu o cabeça de lista do PS/Açores, Carlos César.

GI PS Açores/RL Açores

Deixe uma resposta