PS vence em S.Jorge, mas perde um deputado, CDS é revelação da noite eleitoral e PSD perde votos (c/áudio)

Ouça abaixo as entrevistas, realizadas em direto na noite de domingo, aos deputados que irão representar S.Jorge no Parlamento Regional na próxima legislatura:

 

Depois de apurados os resultados das onze freguesias de São Jorge e tendo em conta que nestas eleições a ilha ficaria apenas representada por três deputados em detrimento dos habituais quatro, os eleitores votaram e decidiram ficar representados pelas três forças políticas que já o faziam na última legislatura, nomeadamente PS, PSD e CDS-PP.

André Rodrigues, do PS, Catarina Cabeceiras, do CDS, e António Pedroso, do PSD, são os nomes que vão representar São Jorge no parlamento regional, nos próximos quatro anos.

O PS foi a força política mais votada em São Jorge com 1790 votos (39,54%), o CDS-PP foi a segunda força política mais votada com 1190 votos (26,29%) e o PSD acabou por ser a terceira força-política mais votada com 969 votos (21,40%).

No que diz respeito aos concelhos, o Partido Socialista saiu vitorioso no concelho da Calheta com 904 votos, ou seja, 47,50% da votação.

Já no concelho das Velas foi o CDS-PP a força política mais votada com 916 votos, o que em percentagem corresponde a 34,91%.

A Rádio Lumena acompanhou e divulgou em direto os resultados da ilha, falando depois também em direto com os cabeças de lista.

André Rodrigues, cabeça de lista do PS, disse sentir naquele momento um sentimento agridoce, isto porque o PS em São Jorge mantinha a esperança em eleger dois deoutadis, acabando assim por perder mesmo o segundo deputado.

Comparativamente com as eleições legislativas regionais de 2012, o PS teve um decréscimo no número de votos, sendo que há quatro anos tinha conseguido 2137 votos e este ano baixou para 1790.

Decréscimo maior registou o PSD que há quatro anos tinha conseguido 1675 votos e nestas eleições ficou-se pelos 969 votos, mantendo mesmo assim o deputado.

António Pedroso que estava expectante quanto aos resultados mostrou-se satisfeito com a sua eleição e prometeu continuar a trabalhar em prol de São Jorge, dizendo que a derrota nestas eleições em São Jorge foi para o PS.

A vitória da noite em São Jorge foi para o CDS-PP que este ano arrecadou 1190 votos e há quatro anos atrás tinha-se ficado pelos 1026, resultado que na altura já lhe tinha permitido a eleição de um deputado.

Catarina Cabeceiras, a candidata pelo CDS-PP, que segue para o parlamento, mostrou-se muito satisfeita, diz que vai cumprir o prometido e agradeceu à população.

Liliana Andrade/RL Açores

Deixe uma resposta