Home / Destaque / PSD Açores questiona Fernando Nascimento sobre acidente ocorrido no cais da marina das Velas (c/áudio)
PSD Açores questiona Fernando Nascimento sobre acidente ocorrido no cais da marina das Velas (c/áudio)

PSD Açores questiona Fernando Nascimento sobre acidente ocorrido no cais da marina das Velas (c/áudio)

Fernando Nascimento foi ouvido esta terça-feira na Comissão Parlamentar de Inquérito ao Transporte Marítimo de Passageiros nos Açores, em Ponta Delgada. Entre outras questões, o presidente da administração da Portos dos Açores foi questionado pelo Grupo Parlamentar PSD Açores sobre o acidente ocorrido em São Jorge no dia 12 de agosto em que um jovem caiu ao mar na sua viatura no cais da marina das Velas, acabando por morrer.

A presidir esta terça-feira à Comissão de Inquérito esteve António Pedroso, deputado social-democrata eleito por São Jorge, em substituição do deputado João Bruto da Costa.

O PSD Açores “questionou a segurança” do parque de estacionamento da marina e “também de quem era a responsabilidade da colocação de um estacionamento à beira de um cais acostável”, adiantou António Pedroso em declarações à RL Açores.

A estas questões, segundo o social-democrata, Fernando Nascimento respondeu que “o estacionamento tinha sido designado pela Portos dos Açores e que considerava esse estacionamento seguro”, referindo, no entanto, que está a decorrer um inquérito para averiguar as causas do acidente.

António Pedroso não considera que um estacionamento que está a cerca de “30 centimetros da beira do cais” e que não tem qualquer proteção seja seguro. O deputado do PSD Açores diz mesmo que os social-democratas vão fazer algumas recomendações.

“Claro que o PSD discorda totalmente desta posição do senhor presidente da Portos dos Açores”, fez saber o parlamentar, uma vez que não considera que “haja segurança num estacionamento que está a 30 centímetros da beira de um cais e que não tem qualquer proteção, nem um lancil nem nada”.

António Pedroso diz que vão aguardar o resultado do inquérito, “no entanto, iremos fazer alguma recomendação para que seja colocado pelo menos um lancil, uns pilares ou pelo menos uma placa que indique “Tenha atenção, porque há perigo do carro deslizar porque está muito à beira do cais”.

Ao que tudo indica e segundo afirmou o Presidente da Portos dos Açores e que também o Capitão do Porto da Horta já havia dito no dia do acidente tratou-se de um “descuido/distração” por parte da vítima, sendo que nesta altura está a decorrer uma investigação para averiguar a situação.

Liliana Andrade/RL Açores

Fotografia: António Pedroso

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top