Home / Politica / PSD/Açores defende reforma do regime jurídico dos trilhos pedestres, “um ativo importante da nossa oferta de turismo de natureza”
PSD/Açores defende reforma do regime jurídico dos trilhos pedestres, “um ativo importante da nossa oferta de turismo de natureza”

PSD/Açores defende reforma do regime jurídico dos trilhos pedestres, “um ativo importante da nossa oferta de turismo de natureza”

Duarte Freitas anunciou que o grupo parlamentar do PSD/Açores vai propor uma reforma de regime jurídico dos trilhos pedestres, com vista a tornar mais eficaz e eficiente a sua gestão global, mas também para promover uma qualificação da nossa oferta turística.

“O que o PSD/Açores pretende com esta proposta é, por um lado, estimular a proposta de trilhos para classificação, tornando claros os seus critérios, e, por outro, assegurar que a sua manutenção, sinalização e fiscalização são mais céleres e cuidadas”, justificou.

O líder dos social-democratas açorianos falava no final de uma reunião de trabalho dos deputados do PSD/Açores eleitos por São Miguel com o presidente da Câmara Municipal da Povoação, depois de uma visita de dois dias dos parlamentares àquele concelho para contacto com os representantes da sociedade civil e com os poderes públicos e políticos do concelho.

Segundo Duarte Freitas, “existem problemas graves ao nível da gestão dos trilhos pedestres da Região”, razão pela qual, salientou, “é preciso clarificar competências e acabar com o jogo do empurra, para tornar esses trilhos mais seguros, melhor sinalizados e melhor fiscalizados”.

“A Povoação é o concelho com a maior rede de trilhos homologados e consideramos que esta nossa proposta, a par do investimento em miradouros e em outras infraestruturas turísticas, é um passo importante no sentido de se qualificar a nossa oferta, já que os trilhos são um ativo importante do turismo de natureza de que a Região dispõe e, neste caso, de que a Povoação dispõe”, explicou.

Durante os dois dias de visita ao concelho, os deputados do PSD/Açores eleitos por São Miguel reuniram com empresários e representantes de instituições e organizações de setores como Educação, Solidariedade Social, Agricultura, Pesca, Turismo ou Ambiente.

Duarte Freitas apontou como uma “preocupação transversal” a todos os setores a dificuldade em fixar residentes na Povoação, um concelho constituído por seis freguesias, frisando que nos últimos 50 anos a Povoação perdeu 50% da população (de 12.820 habitantes em 1970 passou para 6.080 habitantes em 2016).

“A Povoação é um concelho com muito potencial, mas é preciso que se faça investimento em políticas públicas, não só para fixar pessoas, mas também para melhorar as acessibilidades, porque trata-se de um concelho, tal como outros, que ainda está de alguma forma isolado por falta de melhores acessibilidades”, disse.

O líder do PSD/Açores lembrou, a este propósito, que o partido tem vindo a defender “projetos que, de alguma forma, estão adiados no tempo”, como a melhoria da estrada que liga as Furnas à Ribeira Quente ou ainda a estrada dos Arrastadores, “uma via fundamental na Vila da Povoação para ligar as várias lombas”.

“Mantemos a expetativa de que esses projetos possam avançar o mais rapidamente possível”, insistiu Duarte Freitas.

GI PSD Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top