Home / Açores / Rastreio de linguagem e da fala pioneiro em Santa Maria deve estender-se às outras ilhas, defende Rui Luís
Rastreio de linguagem e da fala pioneiro em Santa Maria deve estender-se às outras ilhas, defende Rui Luís

Rastreio de linguagem e da fala pioneiro em Santa Maria deve estender-se às outras ilhas, defende Rui Luís

O Secretário Regional da Saúde desafiou esta terça-feira as unidades de saúde dos Açores a adotarem o programa inovador de rastreio de linguagem e da fala desenvolvido no Centro de Saúde de Vila do Porto, em Santa Maria.

“Este rastreio é fundamental porque podemos, de forma precoce, avaliar as capacidades das crianças e prepará-las, através da consulta de terapia da fala, para que ao entrarem na escola já tenham todas as suas capacidades e competências devidamente desenvolvidas”, frisou Rui Luís.

Este rastreio de linguagem e da fala teve início há um ano e está integrado nas consultas de saúde infantil, onde é aplicado um questionário, sendo avaliadas as competências cognitivas, linguísticas e da escrita.

Destina-se a crianças entre os três e os seis anos, tendo já chegado a 43 utentes.

Rui Luís, que falava à margem de uma ação de rastreio, no âmbito da visita estatutária a Santa Maria, sublinhou que este rastreio, cientificamente validado para o país, permite que “as crianças sinalizadas possam iniciar o seu percurso escolar já com acompanhamento terapêutico”.

O titular da pasta da Saúde referiu-se ainda aos dados da especialidade no contexto regional.

“As consultas têm vindo a aumentar. Em cerca de dois anos praticamente duplicamos o número de consultas de terapeutas da fala, o que é uma situação que nos apraz registar”, frisou.

No ano passado, a Região disponibilizou 6.600 consultas através da rede de 19 terapeutas da fala do Serviço Regional de Saúde.

 

GaCS/RL Açores 

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top