Recuperação da Casa dos Tiagos também simboliza aposta do Governo dos Açores na coesão

O Presidente do Governo Regional inaugurou, durante a visita estatutária à ilha de São Jorge, as obras de recuperação da Casa dos Tiagos, na freguesia do Topo, um investimento superior a meio milhão de euros que, segundo Vasco Cordeiro, simboliza a responsabilidade que o Executivo assume de criação de condições que fortaleçam a coesão regional.

Vasco Cordeiro salientou que é necessário “aproveitar sempre os recursos que já temos, aquilo que já é nosso e preparar rentabilizar esse património para dar maior comodidade no presente e para ajudar a construir o nosso futuro”, destacando a opção do executivo em recuperar a Casa dos Tiagos, um edifício oitocentista na freguesia do Topo.

A Casa dos Tiagos – Casa do Povo do Topo vai acolher uma unidade de atendimento ao público do Instituto de Segurança Social dos Açores, o Gabinete de Atendimento de Ação Social e uma Sala de Enfermagem, entre outras valências.

Paula Bettencourt, presidente da casa do povo do Topo, mostrou-se muito satisfeita com a inauguração destas obras de recuperação da Casa dos Tiagos, dizendo que “esta obra era uma ambição para a freguesia também pelo valor histórico e cultural do edifício”, constituindo uma mais-valia quer para o Topo quer para toda a ilha de São Jorge, pois trata-se de “um edificio único”.

A presidente da Casa do povo acrescentou ainda que o mais importante é dinamizar esta casa, com a criação de atividades, de maneira a que as pessoas tirem partido desta infra-estrutura.

Também Lizandro Bettencourt, presidente da Junta de Freguesia do Topo, referiu ser “um dia especial quer para a Junta de freguesia quer para a população do topo”, destacando as valências desta casa.

RL Açores/GaCS

 

Deixe uma resposta