Ultimas
Home / Açores / Reformas antecipadas entram em vigor e contribuem para o rejuvenescimento do setor agrícola, afirma Neto Viveiros
Reformas antecipadas entram em vigor e contribuem para o rejuvenescimento do setor agrícola, afirma Neto Viveiros

Reformas antecipadas entram em vigor e contribuem para o rejuvenescimento do setor agrícola, afirma Neto Viveiros

O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente afirmou esta terça-feira que a publicação da portaria que permite, a partir desta quarta-feira, 21 de setembro, a apresentação de candidaturas à reforma antecipada contribui para uma “saída digna” da atividade dos agricultores açorianos entre os 60 e os 64 anos, e para o “rejuvenescimento do tecido empresarial agrícola”.

Luís Neto Viveiros, questionado por jornalistas à margem de uma visita à Queijaria de S. Miguel, empresa que candidatou um projeto de ampliação e modernização ao PRORURAL+, destacou que esta medida, viabilizada na Assembleia Legislativa, é “exclusivamente suportada por fundos regionais”.

O titular da pasta da Agricultura sublinhou que este é um percurso que tem vindo a ser prosseguido nos Açores, região que tem “a média etária mais baixa de todo o espaço nacional” na população agrícola.

Neto Viveiros defendeu que o rejuvenescimento permite o incremento de “outra dinâmica” no setor, além desta e de outras medidas regionais implementadas também contribuírem para o aumento da dimensão das explorações [emparcelamento] e, consequentemente, para uma maior competitividade.

Numa fase em que a fileira do leite enfrenta o desafio do escoamento provocado por decisões comunitárias e internacionais, como o embargo russo, o Secretário Regional destacou que esta medida se insere e complementa o pacote de iniciativas implementado desde 2015 pelo Governo dos Açores.

Nesse sentido, apontou o programa de reestruturação do setor leiteiro, a que aderiram cerca de sete dezenas de produtores na Região, além da criação de linhas de crédito e de apoio aos encargos com juros bancários associados a empréstimos para investimento em modernização.

A Queijaria São Miguel, hoje visitada pelo Secretário Regional, dedica-se à produção de queijos a partir de leite de cabra e de vaca, tendo apresentado um projeto de investimento que vai permitir aumentar a capacidade produtiva, criar novos postos de trabalho, além de diversificar e exportar os seus produtos.

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top