Resgate em alto mar de tripulante do navio mercante “BM CHICAGO EXPRESS”

A Marinha, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada), em articulação com o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento das Lajes (RCC Lajes), o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento de Lisboa (RCC Lisboa), coordenou, desde as 16h30 (horas locais) do dia 25 de maio, o resgate de uma tripulante de 19 anos, de nacionalidade Alemã, que se encontrava a bordo do navio mercante “BM CHICAGO EXPRESS”, com bandeira da Alemanha, a navegar a cerca de 332 milhas náuticas (615 quilómetros) a leste da Ilha de São Miguel.

A tripulante apresentava sintomas de trombose venosa profunda nas pernas, a necessitar de cuidados médicos imediatos.

O resgate foi efetuado pela aeronave EH-101 da Força Aérea Portuguesa (FAP), que transportou a doente para a Base Aérea de Figo Maduro, em Lisboa, onde aterrou às 07h34 (horas locais) do dia 26 de maio. A doente foi posteriormente transferida para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

Estiveram envolvidos nesta operação o MRCC Delgada, o RCC Lajes, o RCC Lisboa, aeronaves da FAP, designadamente, um helicóptero EH-101 da Base Aérea do Montijo e um P-3C CUP+ da Base Aérea de Beja e uma ambulância do Instituto Nacional de Emergência Médica de Lisboa.

Imagem: Comando da Zona Marítima dos Açores

CZM Açores/RL Açores

Deixe uma resposta