Home / Açores / Rodrigo Oliveira apela à Universidade para que abra os Açores ao mundo 
Rodrigo Oliveira apela à Universidade para que abra os Açores ao mundo 

Rodrigo Oliveira apela à Universidade para que abra os Açores ao mundo 

O Subsecretário Regional da Presidência para as Relações Externas desafiou hoje a Universidade dos Açores para que “cada vez mais se abra ao mundo”, defendendo a importância das relações externas, da internacionalização, dos intercâmbios e dos projetos comuns para uma efetiva afirmação da Região.

Rodrigo Oliveira, que falava na apresentação do projeto Bridging the Atlantic: an international alliance in community health among american and azorean nursing students, afirmou que o Governo dos Açores será sempre um parceiro empenhado “em levar a cabo esta missão tão importante que é abrirmos, cada vez mais, os Açores ao mundo”, tendo salientado o trabalho que está a ser desenvolvido, nesse domínio, pela academia açoriana.

Para o Subsecretário Regional, esta iniciativa de cooperação internacional, que visa promover e aprofundar relações de ensino e investigação entre a Universidade dos Açores e a University of Massachusetts Dartmouth, no âmbito da enfermagem comunitária, “é um projeto muito importante a diversos níveis, desde logo pela temática escolhida”, referindo-se ao facto de o trabalho dos alunos incidir, nos Açores, sobre a situação dos cidadãos repatriados e, nos Estados Unidos, sobre a situação das suas famílias.

“Promover esta troca de experiências, esta aproximação e este trabalho conjunto para melhor responder às necessidades de cidadãos que, por diversos azares na vida, tiveram que regressar involuntariamente à sua terra é, de facto, o primeiro motivo de satisfação e de elogio por esta iniciativa”, referiu.

Rodrigo Oliveira salientou, na ocasião, que “o Governo dos Açores tem um grupo de parceiros na Região e uma rede de apoio social nos Estados Unidos que trabalha com estes cidadãos, com estas comunidades e com estas famílias”, instituições estas que foram associadas ao projeto Bridging the Atlantic, através da Direção Regional das Comunidades.

“Há três fatores muito importantes neste projeto” referiu o Subsecretário Regional, desde logo, “por se ligar à área da saúde” e à situação dos cidadãos repatriados, “em segundo lugar, porque é um projeto que liga e que dá corpo às relações institucionais entre os Açores e Massachusetts e, em terceiro lugar, naturalmente, porque junta as nossas comunidades”, recordando que o projeto começou a ser preparado no âmbito da visita de uma delegação de políticos e académicos de Massachussetts aos Açores, em novembro de 2013.

Rodrigo Oliveira salientou a importância de se concretizarem ações de cooperação com territórios e instituições com ligações aos Açores, como é o caso da Nova Inglaterra, acrescentando que “é através desta parceria e desta conjugação de boas vontades que, de facto, podemos levar projetos como este a bom porto”.

Rodrigo Oliveira assegurou, por isso, que da parte do Governo dos Açores, “terão sempre parceiros, mais do que interessados, empenhados e entusiasmados” para o desenvolvimento e concretização de projetos e ações de cooperação.

O grupo de estudantes e professores de enfermagem da University of Massashussets Dartmouth participou, durante a sua estadia em S. Miguel na última semana, em atividades de aprendizagem conjuntas com estudantes da Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada.

Numa segunda fase, que decorrerá em abril, são os estudantes açorianos de enfermagem que se deslocam à University of Massachusetts Dartmouth, num projeto que conta com o apoio e parceria do Governo dos Açores.

GaCS

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top