Sérgio Ávila exige celeridade do Governo da República na operacionalização da redução de impostos nos Açores

O Vice-Presidente do Governo dos Açores afirmou esta quarta-feira que “a maior redução fiscal na história da Autonomia” poderá começar a beneficiar todos os trabalhadores assim que o Governo da República faça a “publicação do decreto-lei que operacionaliza as taxas de IVA e da portaria que operacionaliza as tabelas de retenção na fonte em sede de IRS.”

Sérgio Ávila, que falava aos jornalistas sobre a publicação, esta quarta-feira, em Diário da República, do decreto-lei que estabelece a redução de impostos nos Açores, acrescentou que esses dois documentos permitirão reduzir o IVA e o IRS nos moldes propostos pelo Governo dos Açores à Assembleia Legislativa e por esta aprovados.

“Os órgãos de governo próprio da Região cumpriram a sua função ao aprovar a redução fiscal”, frisou o governante, acrescentando esperar “a maior celeridade possível” por parte do Governo da República na publicação dos documentos indispensáveis à operacionalização de todo o processo.

Quando isso acontecer, “todos os trabalhadores irão sentir uma redução ainda maior na incidência fiscal sobre a remuneração do seu trabalho”, afirmou o Vice-Presidente do Governo.

GaCS/RL Açores

Deixe uma resposta