Três dias de luto regional pela morte de Madruga da Costa

O Presidente do Governo dos Açores decretou hoje três dias de luto regional, a 14, 15 e 16 de novembro, pelo falecimento de Alberto Romão Madruga da Costa, antigo Presidente da Assembleia Legislativa e do Governo Regional.

O despacho assinado por Vasco Cordeiro determina que nestes três dias “as bandeiras Nacional, Regional e da União Europeia deverão ser colocadas a meia haste em todos os serviços públicos regionais e nas empresas do Setor Público e Empresarial da Região”.

Neste despacho, o Presidente do Governo salienta o facto de Alberto Romão Madruga da Costa ter desempenhado “as mais elevadas funções nos órgãos de governo próprio da Região Autónoma dos Açores com elevado sentido de missão, dignidade e empenho”.

Alberto Madruga da Costa foi eleito deputado regional pelo círculo eleitoral da Ilha do Faial nas I, II, III, IV, V e VI Legislaturas, membro dos I e II Governos Regionais, Presidente do Governo Regional entre 1995 e 1996 e Presidente da Assembleia Legislativa da Região de 1978 a 1979, de 1991 a 1992 e de 1992 a 1995.

GaCS/RL Açores

Deixe uma resposta