Home / Açores / Vasco Cordeiro anuncia criação do Conselho da Diáspora Açoriana
Vasco Cordeiro anuncia criação do Conselho da Diáspora Açoriana

Vasco Cordeiro anuncia criação do Conselho da Diáspora Açoriana

O Presidente do Governo anunciou, esta quinta-feira, na Califórnia, a criação do Conselho da Diáspora Açoriana, um novo organismo que pretende contribuir, de forma prática, para reforçar a aproximação entre as Comunidades espalhadas pelo mundo e a Região Autónoma dos Açores.

“Nós acreditamos que o Conselho da Diáspora Açoriana será um veículo pelo qual essa maior aproximação entre as nossas Comunidades e a realidade açoriana se pode fazer do ponto de vista prático, com eficácia e com resultados em benefício dos Açores e da nossa Comunidade”, afirmou Vasco Cordeiro.

O Presidente do Governo falava na cidade de Artesia, num encontro com a Comunidade Açoriana da área de Los Angeles, no âmbito da visita oficial que está a efetuar ao Estado norte-americano da Califórnia.

“Os Açores de hoje não são os Açores que muitos de vós e os vossos antepassados deixaram há algumas décadas, da mesma forma que a Califórnia não é mesma de há 30, 40 ou 50 anos atrás”, referiu Vasco Cordeiro, ao salientar que a Região, ao longo deste tempo, também fez o seu percurso, ultrapassou desafios e venceu adversidades.

Do ponto de vista da notoriedade da Região no exterior, o Presidente do Governo preconizou que este é um desafio que a todos convoca, no sentido de promover e divulgar uma Região que faz parte da União Europeia, que é uma porta de entrada para a Europa e que está a apostar em novas áreas de desenvolvimento.

“Fica o desafio de atrair estes jovens Açorianos que nasceram na América para permitir que haja uma cada vez melhor coordenação e cooperação entre o que se faz nos Açores e o grande potencial que a nossa Diáspora apresenta para ampliar esse trabalho”, disse.

No quarto dia da visita oficial à Califórnia, Vasco Cordeiro salientou, por outro lado, a necessidade de ter sempre presente, aos mais variados níveis de representação institucional, que “dizer, na Califórnia, que somos Açorianos não diminui em nada a presença portuguesa” neste Estado norte-americano.

“Bem pelo contrário, reforça-a e é motivo de orgulho. Não perceber isso é não perceber essa relação umbilical que se estabelece entre a nossa Região, as suas comunidades e o nosso país”, sublinhou.

“É tempo de esta mensagem ser, não só devidamente divulgada, mas também ser devidamente compreendida por todos aqueles que, tendo ou não a representação institucional do nosso país em terras da América, têm de, uma vez por todas, de perceber que a afirmação dos Açores e da Açorianidade na América não é um fator de diminuição de presença portuguesa. É um fator que a amplia, que a alarga e que deve ser, sem dúvida, motivo de orgulho para o nosso país”, referiu Vasco Cordeiro.

Na sua intervenção, o Presidente do Governo manifestou orgulho no trabalho, na presença e no envolvimento das Comunidades Açorianas nos territórios de acolhimento.

“A transformação e o desenvolvimento que cada uma dessas comunidades de acolhimento viveu deve-se, também, ao trabalho e ao empenho das Comunidades Açorianas que aí se radicaram”, destacou Vasco Cordeiro.

 

 

 

GaCS/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top