1º Fórum da Agropecuária Biológica – BioAçores21, Workshop por Alfredo Sendim intitulado “AgroFlorestas” no lugar do Carregadouro na Freguesia da Ribeira Seca (c/áudio)

Encontra-se a decorrer o 1º Fórum da Agropecuária Biológica – BioAçores21, uma iniciativa do movimento Associativo da Agricultura e Pecuária dos Açores, que junta a Trybio, BioAzorica e Federação Agrícola dos Açores, em parceria com o Governo Regional, por intermédio da Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural.

O principal objetivo desta iniciativa, passa por criar uma rede regional de cooperação, conhecimento e capacitação para o modo de produção biológico juntando produtores, técnicos, investigadores e consumidores, bem como, Associações e Cooperativas, Indústria, Distribuição, Comércio e Serviços públicos e privados.

A iniciativa chegou então à Ilha de São Jorge, no dia 12 de outubro com um Workshop sobre “Agroflorestas” com Alfredo Sendim, responsável pela Herdade Freixo do Meio em Montemor-o-Novo. Alfredo Sendim elegeu a agroecologia para gerir a Herdade, havendo agora no local, um ecossistema biológico.

Ora, a Rádio Lumena esteve presente neste Workshop e falou com Alfredo Sendim, a fim de perceber um pouco mais acerca do conceito “Agroflorestas”. Alfredo explica que se trata de utilizar as árvores para várias coisas, como por exemplo, cuidar do solo, dando-lhe fontes de matéria orgânica, servirem como tapa vento a outras árvores de fruto e produzirem também flores, sendo importante na polinização e deixa o apelo para que não se cortem árvores, pois elas são uma mais-valia.

Alfredo Sendim explica que instalou vários sistemas agroflorestais no Carregadouro, na Ilha de São Jorge há já quatro anos, para tentar encontrar outros caminhos no futuro da agricultura na ilha. Avança também que este Workshop tem uma componente prática para melhor aprendizagem dos participantes.

Por sua vez, Ana Branco, Presidente da Trybio – Associação de produtores e consumidores de agricultura biológica, disse à Rádio Lumena que esta é uma iniciativa que pretende promover a agricultura biológica e que vai percorrer todas as Ilhas do Arquipélago em diferentes formatos.

Ana Branco encontra-se satisfeita, na medida em que a iniciativa levada a cabo na ilha de São Jorge, contou com um bom número de participantes, havendo até quem se deslocou da ilha do Faial para marcar presença neste Workshop.

Por fim, a participante Ana Vasconcelos, Engenheira Florestal, que se encontrava a trabalhar no Workshop, explicou que estava a fazer um pouco de “gestão”, ou seja, cuidar do terreno. Disse também que é um trabalho um pouco minimalista, pois como vive no Continente só vem a São Jorge de vez em quando, porém, estas árvores e plantas estão muito tempo em autogestão, é assim que explica à rádio Lumena a participante.

A iniciativa em São Jorge contou com um grupo de cerca de 17 participantes, onde estiveram também presentes, técnicos dos Serviços Agrícolas e de Associações, bem como, agricultores do Faial.

A próxima iniciativa na Ilha de são Jorge no âmbito do BioAçores21 vai acontecer no dia 06 de novembro com o tema “Carne Biológica.”

Pode seguir todo o trabalho realizado e as iniciativas do Fórum Agropecuária Biológica – BioAçores21, na página do Facebook da Trybio – Associação de produtores e consumidores de agricultura biológica.

Laura Cabral/RL Açores

Deixe uma resposta