Este sábado, dia 6 de outubro, e integrado num intercâmbio cultural entre Orfeões, o Auditório Municipal das Velas foi palco de uma homenagem a José Damião de Almeida.

José Damião de Almeida faleceu a 15 de Fevereiro de 2015, vítima de doença prolongada, mas deixou um garnde lgado à ilha de São Jorge. Foi um dos maiores empresários da ilha e um gande impulsionador da economia jorgense. Na sua vida pessoal é caracterizado e relembrado hoje em dia como uma pessoa simples, humilde, dinâmica e muito humanista, tal como escreve Mark Marques no seu Jornal Magazina “Info-Fajãs”.

Na noite de sábado foi Maria Silveira Azevedo, que foi sua esposa, companheira, e que deu continuidade às empresas com os seus filhos, que subiu ao palco para receber esse reconhecimento público dos presentes.

A par desta homenagem a cultura esteve ao mais alto nível no Auditório Municipal com os concertos do Coro e Orquestra “José Damião de Almeida” e do Orfeão CCD de Coelima (Guimarães).

 

 

 

 

 

RL Açores/Mark Marques|Info-Fajãs

Fotografia: ©Mark Marques|Info-Fajãs

Deixe uma resposta