Presidente da CMH pretende  preservar o  valor histórico da antiga muralha da Avenida Marginal

No âmbito da Requalificação Urbana da Frente Mar da Cidade da Horta, conforme previsto no projeto, foi exposta a antiga muralha da Avenida Marginal.

Apesar de estar previsto no projeto que a muralha não seria deixada à vista, tendo sido definido que a mesma seria protegida e soterrada novamente, o Município pretende preservar o seu valor histórico e enriquecer o local.

Nesse sentido, no dia 11 de outubro, no decurso de uma reunião na obra, o Presidente da Câmara Municipal da Horta deu instruções aos serviços técnicos do Município para que encetassem diligências junto do projetista, no sentido de ser apresentada uma ou mais propostas adequadas a deixar uma área da muralha visível, para valorização histórica e cultural do elemento arqueológico e a criação de um ponto de atração para residentes e turistas.

A Câmara Municipal da Horta informa ainda que, a 12 de maio de 2022, comunicou à Direção Regional dos Assuntos Culturais a presença da referida muralha, e o decurso dos trabalhos de instalação de caixas de saneamento básico na Rua Conselheiro Miguel da Silveira, tendo solicitado o devido acompanhamento arqueológico.

GI CMH/ RL Açores