“Derrocada da Fajã de São João ainda não estará resolvida hoje” – Avança Presidente da Câmara Municipal da Calheta, Décio Pereira (c/áudio)

Os trabalhos de desobstrução da via de acesso à Fajã de São João iniciaram-se cedo esta manhã, no entanto, de acordo com o Presidente da Câmara Municipal da Calheta, Décio Pereira, afirma que não crê que esteja a limpeza completa da via ainda hoje, mas que de momento a ideia é melhorar o acesso ao chamado “Caminho Velho” utilizado antigamente pela população para entrar e sair da Fajã.

Porém, avança que o caminho da fajã dos Vimes, esse já se encontra perfeitamente normalizado.

A ideia de melhorar o “Caminho Velho” é para poder chegar até à Fajã, um gerador cedido pela EDA, para que se reponha a eletricidade. Décio Pereira aproveitou a ocasião para deixar o seu agradecimento à EDA, bem como todas as Entidades que têm prestado apoio nestes trabalhos.

O Autarca garantiu que a população encontra-se toda bem, e que para “agilizar este processo foi possível levar uma equipa médica que vai ficar o tempo necessário na Fajã”.

Ora, uma equipa de Suporte Imediato de Vida, (SIV) que é composta por uma enfermeira e um Tripulante de Ambulância de Socorro.

Décio Pereira enaltece esta colaboração com a Ilha de São Jorge do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, que solicitou o apoio da Força Aérea, para que fosse possível levar esta equipa até à Fajã.

Décio Pereira destacou o exercício realizado em São Jorge no passado mês de outubro, chamado “Exercício Touro” onde foi possível realizar-se treinos a fim de se estar preparado para estas situações, sendo, de acordo com o mesmo, o investimento na Proteção Civil é de extrema relevância.

Para terminar, deixa o seu agradecimento a todos os que se encontram a trabalhar na limpeza do caminho de acesso à Fajã de São João, desde voluntários a Bombeiros e ao Coordenador da Proteção Civil na Ilha de São Jorge.

Declarações do Presidente da Câmara Municipal da Calheta, Décio Pereira que falou por via telefónica com a Rádio Lumena, e que se encontrava no terreno, aquando da desobstrução da via de acesso à Fajã de São João.

Imagem: SRPCBA

Laura Cabral/RL Açores

Deixe uma resposta