Grupo de peregrinos de São Jorge participa na Jornada Mundial da Juventude em Lisboa (c/áudio)
Albano Gomes – JMJ – São Jorge
Renato Cabral .JMJ São Jorge

Um grupo de 12 peregrinos de São Jorge, juntaram-se à Jornada Mundial da Juventude, a decorrer em Lisboa de 01 a 06 de agosto.

A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é um encontro de jovens de todo o mundo com o Papa numa cidade escolhida pelo chefe supremo da Igreja Católica. A primeira edição, em 1986, realizou-se em Roma. Em 2023, Lisboa foi a cidade escolhida.

Antes de partirem para a Jornada Mundial da Juventude este grupo subiu a Montanha do Pico, onde D. Armado Esteves Domingues presidiu à missa no ponto mais alto de Portugal. De acordo com Albano Gomes, um dos jovens que faz parte do grupo de peregrinos, esta experiência “foi incrível”.

O grupo encontra-se já em Lisboa, onde hoje vão estar presentes na receção ao Papa Francisco. Albano Gomes revela que tem sido cansativa esta jornada, mas descreve, esta como uma experiência “muito boa”, onde têm tido a oportunidade de ter momentos de partilha com pessoas de várias culturas. Revelou ainda, que no dia de ontem tiveram um encontro Rise- Up com os grupos todos da Diocese de Angra.

A ansiedade é muita, segundo revelou Albano Gomes à RL Açores, e as expectativas são muito grandes. Este revela ainda que espera sair “mais rico” desta experiência, tanto do ponto de vista pessoal como espiritual.

Renato Cabral, foi outro jorgense que também prestou algumas declarações à RL Açores, sobre esta experiência, descrevendo-a como “espetacular”. Revelando que “estão um pouco nervosos” pela receção ao Papa Francisco. Confessa, ainda, que no inicio foi “difícil” porque muitos dos elementos do grupo não se conheciam, mas que após a primeira viagem começaram-se todos a dar bem e que tem corrido muito bem.

Amanhã será o momento da Via-Sacra, e no sábado e no domingo estarão no novo parque construido especialmente para o evento onde poderão estar em convívio com todos os jovens do mundo, e onde terão o momento da Vigília e a missa proferida pelo Papa Francisco.