Total de 942 vagas disponíveis para o programa ESTAGIAR

Estão disponíveis na Região 942 vagas para o ESTAGIAR, adiantou hoje a Secretária Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, tendo sido já admitidos a este programa, cujas inscrições arrancaram no dia 1 de agosto, 538 jovens. 

Segundo Maria João Carreiro, que falava na sessão de abertura da “Semana da Juventude”, organizada pela Câmara Municipal da Horta, na ilha do Faial, “estas vagas constituem uma oportunidade para a inserção dos jovens na vida ativa, facilitando o seu recrutamento e a sua integração nos quadros das empresas do setor privado”.

A titular da pasta da Qualificação e Emprego explicou que o Governo dos Açores está a privilegiar, numa primeira fase, os estágios no setor privado, considerando não só a oferta de vagas existentes nas empresas privadas, mas também a obrigatoriedade que está associada ao setor privado de contratar, pelo menos, 50% dos estagiários.

“O ESTAGIAR existe para facilitar a integração dos jovens no mercado de trabalho e o recrutamento de mão-de-obra qualificada pelas empresas. Considerando que a Administração Pública está isenta da obrigação de contratação, por exigências legais de recrutamento, estamos a abrir as portas das empresas aos jovens”, disse.

As candidaturas ao ESTAGIAR decorrem até 31 de março de 2023.

Maria João Carreiro frisou que “a qualificação profissional e o emprego, designadamente o emprego jovem, assume uma centralidade sem precedentes na governação regional”, apontando medidas como o CONTRATAR, que já apoiou a contratação de 3.196 açorianos, dos quais 1.953 (61%) são jovens com 30 ou menos anos de idade.

“O XIII Governo dos Açores está a afirmar a relevância instrumental, social e económica da qualificação profissional e do emprego para o bem-estar dos açorianos, para a capacitação das empresas e para o desenvolvimento da região”, disse.

Durante a sessão, que decorreu no Teatro Faialense, a governante elencou alguns programas e medidas como o Estagiar U, Academia Jovem – Escola de Líderes, Programa MOOV, entre outros, como “exemplo do investimento do Governo dos Açores na formação e qualificação dos jovens para que possam superar, com êxito, as oportunidades de um mercado de trabalho que é cada vez mais exigente”.

Portal Azores/RL Açores

Deixe uma resposta