Saúde Escolar alargada ao ensino profissional – Escola Profissional da Ilha de São Jorge já assinou protocolo com o Governo e USI de São Jorge (c/áudio)

A Escola Profissional da Ilha de São Jorge assinou, na passada semana, com o Governo Regional e com a Unidade de Saúde de Ilha de São Jorge, um Protocolo de Alargamento da Saúde Escolar aos mais de 100 alunos da instituição.

Para Vasco Cordeiro, o Presidente do Governo Regional, que presidiu a esta cerimónia, a extensão deste projeto é, “sem sombra de dúvida, uma aposta no futuro coletivo e no futuro de cada uma das crianças e jovens da Região.

Integrando médicos, enfermeiros, terapeutas da fala, psicólogos, nutricionistas e professores, num total de cerca de 400 profissionais, este projeto já abrange 175 escolas da Região, ou seja, uma cobertura integral do ensino regular, desde o pré-escolar ao secundário, abrangendo, no último ano letivo, cerca de 40 mil alunos de todas as ilhas.

Na prática, a Saúde Escolar inclui, entre outras iniciativas, um exame global de saúde às crianças e jovens, através da realização de vários rastreios, desenvolvendo também iniciativas de promoção de hábitos de vida saudáveis.

Na ocasião, Roger Sousa, o Diretor Executivo da Escola Profissional da Ilha de São Jorge, mostrou-se muito satisfeito com a chegada da Saúde Escolar à Escola Profissional, considerando que esta é uma estratégia de grande importância para a comunidade escolar.

Roger Sousa aproveitou ainda a ocasião para destacar a elavada taxa de empregabilidade dos alunos que saem da Escola Profissional da Ilha de São Jorge nas mais diversas áras, destacando ainda que a Escola quer continuar a apostar em novas valência como é, por exemplo, o caso da instalação de uma incubadora de empresas.

 

 

 

 

 

GaCS/LA/RL Açores

Deixe uma resposta