Clélio Meneses entregou ecógrafo ao Centro de Oncologia dos Açores

O Secretário Regional da Saúde e Desporto entregou na passada sexta-feira um Ecógrafo ao COA – Centro de Oncologia dos Açores. O equipamento foi financiado por fundos do Plano de Recuperação e Resiliência, no valor de 25 mil euros. Durante o próximo ano, o COA irá receber um mamógrafo, também financiado pelo PRR, orçado em 125 mil euros.

Clélio Meneses disse na ocasião que o Governo dos Açores “está a aproveitar ao máximo e no imediato”, todas as possibilidades “para dotar o Serviço Regional de Saúde dos meios humanos, de instalações e de equipamentos que garantam uma melhor resposta”.

O titular da pasta da Saúde e Desporto relevou uma vez mais a importância dos recursos humanos e adiantou que o Governo Regional “desde que tomou posse já autorizou e contratou 622 profissionais de saúde”.

“Em menos de um ano já houve este esforço, de dotar o SRS de meios humanos capazes de dar melhor resposta”, asseverou.

E prosseguiu: “Para além disso estamos a fazer investimentos em todas as ilhas, no sentido de garantir que as instalações físicas e os equipamentos contribuam para essa resposta. Neste caso concreto estamos perante um equipamento decisivo, para o chamado rastreio oportunístico, ou secundário que existe para além do rastreio organizado, com resultados importantíssimos”.

Com este rastreio, acrescentou, “consegue-se em média detetar 17 cancros da mama, com o rastreio organizado consegue-se detetar 55 cancros por ano, o que quer dizer que mais de metade dos cancros da mama detetados nos Açores são através deste serviço”.

O governante referiu ainda ter encontrado no Serviço Regional de Saúde “equipamentos obsoletos”.

“Este equipamento já fora pedido há mais de quatro anos e estamos em alguns meses a recuperar situações que exigiam resposta há vários anos”, sublinhou.

O ecógrafo agora entregue ao Centro de Oncologia dos Açores segue a ideia da digitalização da saúde anunciada pelo Governo dos Açores.

GRA/RL Açores

Deixe uma resposta