Ultimas
Home / Politica / Graça Silveira denuncia: Promessas de António Costa para os Açores foram “mão cheia de nada”
Graça Silveira denuncia: Promessas de António Costa para os Açores foram “mão cheia de nada”

Graça Silveira denuncia: Promessas de António Costa para os Açores foram “mão cheia de nada”

A Vice-presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP Açores, Graça Silveira, critica o Primeiro-ministro, António Costa, por ter vindo à Região fazer promessas que redundaram “numa mão cheia de nada” e acusa-o de enganar os Açorianos, nomeadamente na questão relativa à instalação da sucursal do Laboratório Europeu de Recursos Biológicos Marinhos em Portugal, que, em vez de vir para os Açores, acabou instalado no Algarve.

Num requerimento entregue no Parlamento dos Açores, Graça Silveira pede ao Governo socialista Regional que “esclareça quais as diligências que foram feitas junto do Governo da República, no cumprimento do compromisso assumido a favor da Autonomia no que se refere às questões científicas e tecnológicas na área das Ciências do Mar”, concretamente “para que o EMBRC Portugal ficasse no IMAR (Instituto do Mar) da Universidade dos Açores e não no Centro de Ciências do Mar (CCMAR) da Universidade do Algarve”.

Tudo isto porque, recorda, “por ocasião da visita oficial do Primeiro-ministro à Região, em final de abril de 2016, este se comprometeu com uma verdadeira parceria a favor da Autonomia, nomeadamente no que se refere às questões científicas e tecnológicas, particularmente nas áreas da Climatologia, Vulcanologia e das Ciências do Mar, do estudo do Atlântico e do mar profundo, tendo afirmado o seu empenho na constituição dum Centro de Observação Oceânica que ficaria sedeado no Faial”.

Ora, prossegue, “a este respeito o Presidente do Governo Regional salientou, também, a criação do Centro de Investigação do Atlântico na ilha do Faial”, justificando que tal intenção “dá bem nota de como os Açores podem servir de ponto de encontro para um conjunto de outras entidades ligadas a estas áreas”.

Aliás, salienta a parlamentar democrata-cristã, “na declaração conjunta do Governo da República e do Governo Regional dos Açores, divulgada a 30 de abril, no âmbito da visita oficial do Primeiro-ministro à Região, a alínea e) do ponto 4, refere a intenção de ‘criar um Centro de Investigação Oceanográfica, a sedear na Ilha do Faial…’”.

Estes compromissos foram assumidos antes das eleições Regionais, lembra Graça Silveira, frisando, no entanto, que, “depois das eleições, que o PS ganhou com maioria, o Laboratório Europeu de Recursos Biológicos Marinhos (que é o principal centro europeu de investigação em ciências do mar), sediado em Paris, encontra-se representado em Portugal pela Universidade do Algarve, desde o passado dia 12 de dezembro, onde foi inaugurado pelo Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, em vez de ficar no IMAR do Departamento de Oceanografia e Pescas da Universidade dos Açores, e onde se investiram 15 milhões de euros”.

GI CDS-PP Açores/RL Açores

About admin

Leave a Reply

Scroll To Top